Sexta-feira, 10 de Dezembro de 2010

Grace Mugabe tem enriquecido à custa dos "diamantes de sangue"

 

Grace Mugabe, mulher do Presidente do Zimbabwe, teria sido um dos elementos da elite dirigente do país a beneficiar com o comércio ilegal de diamantes, segundo um telegrama diplomático norte-americano divulgado pela WikiLeaks

Grace Mugabe já mandou construir dois palácios desde que casou com o Presidente (Jerome Delay/Reuters)

Tanto a mulher de Robert Mugabe como Gideon Gono, governador do Reserve Bank of Zimbabwe (RBZ), e outras figuras do regime teriam conseguido milhões de dólares ao contratarem equipas de garimpeiros, diz a mensagem enviada em Novembro de 2008 para Washington pelo então embaixador norte-americano em Harare, James D. McGee.

Os aliados do Presidente andariam a aproveitar-se dos diamantes do campo de Chiadzwa, no distrito de Marange, jazida que pertencia a uma empresa com sede no Reino Unido e foi nacionalizada em 2006.

“Vendem os diamantes, não documentados, a uma série de compradores estrangeiros, incluindo belgas, israelitas, libaneses, russos e sul-africanos, que os retiram do país para serem lapidados e revendidos”, afirma a correspondência diplomática reproduzida esta sexta-feira pela imprensa britânica e pelo site norte-americano Bloomberg.

As minas de diamantes de Marange, nas proximidades da fronteira com Moçambique, têm sido cenário de abusos dos direitos humanos, com as Forças Armadas a controlarem o trabalho forçado de crianças e adultos, conforme denunciou o ano passado a Human Rights Watch (HRW).

“Parte do rendimento daqueles campos tem sido canalizado para destacados elementos da ZANU-Frente Patriótica”, já então dizia a HRW, tal como agora a informação posta a circular pela WikiLeaks, cuja novidade é especificar o nome de elementos da família presidencial e do poderoso governador do banco central.

Esquemas corruptos

“Num país cheio de esquemas corruptos, o negócio dos diamantes é um dos mais sujos”, diz o telegrama de Novembro de 2008 citado em jornais como o “Daily Telegraph”.

Washington tem vindo a estar particularmente atenta ao que se passa no distrito de Marange, a sueste de Harare, na província de Manicaland, por suspeitar de que alguns dos libaneses aos quais os diamantes são vendidos trabalham para a rede Al-Qaeda, de Osama bin Laden.

A maioria dos diamantes que dão lucro a Grace Mugabe e a outras figuras que rodeiam o Presidente segue para os Emiratos Árabes Unidos e é vendida no Dubai Multi Commodities Centre, que funciona na zona franca de Jumeira.

O Processo de Kimberley, entidade global com base em Jerusalém que fiscaliza as vendas dos chamados “diamantes de sangue”, oriundos de zonas de conflito, terá ainda de decidir se as exportações das gemas dos campos de Marange serão ou não permitidas.

Grace Mugabe, a que muitos dos seus compatriotas se referem como “Dis Grace”, já mandou construir dois palácios desde que há 14 anos se casou com o Presidente, do qual era secretária, até ele enviuvar de Sally Hayfron, natural do Gana.

Em Outubro, o “Sunday Times”, da África do Sul, alegou que a primeira dama zimbabweana manteria há cinco anos uma ligação afectiva com o governador do banco central agora citado a seu lado nos documentos da WikiLeaks.

Entretanto, não é só de diamantes que esta correspondência diplomática fala, mas também das relações de poder e de uma ZANU-Frente Patriótica bastante fracturada. “É como um cartucho de TNT, susceptível de entrar em ignição e se desintegrar”, disse uma fonte local citada num telegrama do embaixador Charles A. Ray, em Fevereiro deste ano.

O partido de Mugabe só se manteria relativamente coeso devido à ameaça constituída pelo Movimento Democrático para a Mudança (MDC), do primeiro-ministro Morgan Tsvangirai, e às pressões externas.

A ZANU-PF foi comparada por aquela fonte, cujo nome aparece rasurado no telegrama hoje reproduzido pelo “Guardian”, a “um bando de macacos que incessantemente se guerreiam, mas que se unem para enfrentar uma ameaça externa”.

 

in Público

 

 

publicado por portuga-coruche às 08:00
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 9 de Dezembro de 2010

A "podridão" moçambicana

WikiLeaks: Presidente moçambicano Guebuza e Joaquim Chissano cúmplices com o narcotráfico

O narcotráfico tem uma base segura em Moçambique, rota da cocaína que chega do Brasil, do haxixe do Paquistão e da heroína produzida no Afeganistão, afirmam diplomatas americanos em correspondência divulgada pelo site WikiLeaks e publicada esta quarta-feira pelo jornal francês Le Monde.

Depois da Guiné Bissau, Moçambique tornou-se "a segunda praça africana mais ativa no trânsito de narcóticos", disse em 2009 o encarregado de negócios da embaixada americana em Maputo. Moçambique "não é um completo narco-Estado corrupto, mas segue em uma direção inquietante", destaca o diplomata.

Segundo o funcionário americano, a cocaína chega "por avião a Maputo procedente do Brasil", e o haxixe e a heroína vêm por via marítima de "Paquistão e Afeganistão". As drogas alimentam o mercado sul-africano ou seguem para a Europa.

O narcotráfico é baseado em duas grandes redes, lideradas pelos moçambicanos de origem asiática Mohamed Bachir Suleiman ("MBS") e Ghulam Rassul Moti, cujas atividades seriam impossíveis sem a cumplicidade do Estado. "MBS tem laços diretos com o presidente Armando Guebuza e com o ex-presidente Joaquim Chissano", revela um telegrama diplomático de 28 de setembro de 2009 divulgado pelo WikiLeaks.

"Suleiman contribuiu em grande parte para financiar a Frelimo (partido do governo) e ajudou significativamente nas campanhas eleitorais" de Guebuza e Chissano.

O diplomata americano explica que "a administração do porto de Nacala, célebre por permitir a passagem de droga procedente do sudeste asiático, foi entregue recentemente a Celso Correira, presidente executivo da Insitec, uma empresa de fachada de Armando Guebuza".

Os telegramas originais podem ser lidos neste endereço http://213.251.145.96/origin/45_0.html

 

in Sapo Notícias

 

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:20
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 30 de Março de 2010

Ainda mais difícil ....

Foi depois detido por seguranças privados

Moçambicano rouba carrinha com polícias lá dentro

Um homem roubou segunda-feira uma carrinha da Polícia da República de Moçambique (PRM) na cidade de Nampula, norte do país, sem se importar que a mesma estivesse carregada de polícias, e só foi detido por seguranças privados.

O caso, contaram à Lusa diversas testemunhas, deu-se em pleno centro de Nampula e começa com uma viatura da PRM estacionada nas proximidades  do Hospital Central, a maior unidade sanitária da região norte.  

Segundo as fontes, a carrinha parou para deixar um doente e o motorista saiu para o acompanhar, deixando o carro a trabalhar e com alguns agentes  da PRM, devidamente armados, sentados na carroçaria.  

Foi então que o assaltante se sentou ao volante e arrancou a alta velocidade. Os polícias atrás não reagiram e apenas tiveram tempo de se segurar para não cair.  

O assaltante seguiu a alta velocidade em direção à Praça da Liberdade, mas não conseguiu controlar a carrinha e embateu num muro. Os polícias que  viajavam na carroçaria saltaram para o chão e fugiram.  

Testemunhas disseram ainda que o homem, agora sem "carga", tentou nova  fuga, mas voltou a ter um acidente, desta vez embatendo noutra viatura que estava estacionada próximo. Foi então detido por seguranças de estabelecimentos comerciais, que o entregaram à polícia.  

 

in Correio da Manhã

 

 

publicado por portuga-coruche às 08:08
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 26 de Fevereiro de 2010

Violam cabra e dono quer que casem com o animal

 

Dois jovens apanhados em Moçambique

Violam cabra e são forçados a casar com o animal

DR 

Dois jovens de Matsinho, Gondola, centro de Moçambique, foram apanhados pela polícia a manter relações sexuais com uma cabra e agora os donos do animal exigem indemnização e casamento. O caso está em tribunal.

O caso de "flagrante delito" aconteceu na semana passada, no distrito de Manica, e fonte ligada ao dono da cabra disse à agência Lusa que o mesmo exige que os jovens sejam condenados em tribunal a casar com o animal.  

Os jovens, cuja identidade não foi revelada, terão sido apanhados a manter relações com a cabra no âmbito de uma espécie de ritual satânico.

"Um dos jovens estava nu enquanto segurava a cabeça, e outro a fazer sexo com o animal", contou uma testemunha a propósito da detenção policial.  

Mário Creva, a testemunha, disse que o caso se deu numa pequena mata na zona de Mbucuta, arredores do posto administrativo de Matsinho.  

"Recebi o caso e já remeti ao tribunal. Mas os jovens serão ouvidos em juízo por furto simples qualificado e não necessariamente por prática sexual, pois a nossa Constituição não acomoda este tipo de acto", disse à Agência Lusa Leonides Mapasse. Fora do processo-crime, acrescentou o magistrado, o ofendido (proprietário da cabra) pode intentar processo civil e moral contra os dois jovens pela prática sexual com a cabra.  

 

in Correio da Manhã

 

Afinal, não percebo quem é mais parvo: se o dono do animal se os jovens violadores.

O dono quer que a vítima fique com os abusadores? Para continuar a ser abusada?

Lógico seria impedir e castigar os abusadores. Lógico seria o proprietário pedir uma indemnização por traumas infligidos ao animal.

publicado por portuga-coruche às 07:07
link do post | comentar | favorito

.Citações Diárias

.Visitantes On-line

.Total de Visitas


Consultar Estatisticas

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Grace Mugabe tem enriquec...

. A "podridão" moçambicana

. Ainda mais difícil ....

. Violam cabra e dono quer ...

.últ. comentários

Sr José Sá, já confirmou a sua tese? Obrigado
Eu uso os produtos da HerbaLife há anos e são fant...
Tudo é muito aberta e muito clara explicação de qu...
Ė e nāo e pouco....
Subscrevo, já cá temos miséria que nos baste, e ge...
Por ser nutricionista e' que fala assim...
http://www.publico.pt/economia/noticia/herbalife-i...
essa empresa foi vendida a eden , que pelo visto a...
Estou para comprar um carro usado num stand de Sal...
VAI SE FERRAR. .INGERI OS COMPRIMIDOS DE MULTIVITA...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. abel matos santos

. acidente

. água

. águas do ribatejo

. almeirim

. apanhados

. aquecimento global

. assalto

. autarquia

. benavente

. biscainho

. blogosfera

. bombeiros

. burla

. câmara municipal de coruche

. carina

. cdu

. china

. ciência

. cigana

. ciganos

. clima

. climategate

. cobre

. comboio

. copenhaga

. cortiça

. coruche

. couço

. cp

. crianças

. crime

. criminalidade

. crise

. dai

. david megre

. desaparecida

. desaparecidos

. desemprego

. desporto

. dionísio mendes

. dívida

. douro

. droga

. economia

. edp

. educação

. emigração

. emprego

. energia

. ensino

. escola

. espanha

. etnia

. fajarda

. faleceu

. fascismo

. festas

. finanças

. fmi

. fome

. gnr

. humor

. imperialismo

. impostos

. insólito

. internet

. ipcc

. justiça

. ladrões

. lamarosa

. meteorologia

. mic

. miccoruche

. morte

. música

. phil jones

. pobreza

. política

. pontes

. procura-se

. racismo

. roubo

. santarém

. saúde

. segurança

. sociedade

. sub

. tempo

. ticmais

. toiros

. tourada

. touros

. trabalho

. tráfico

. tribunais

. video

. videos

. violência

. xenofobia

. todas as tags

.links

.Enviem Notícias e Comentários

CONTACTO

greenbit@sapo.pt

.pesquisar

 

.Outro Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds