Sexta-feira, 1 de Abril de 2011

Conversa entre Lula e Dilma

 

 

Viu só Dilma, eu não lhe disse que portuguêss fazia bouquinha de ciri quando está duro.

Minha mãe me ensinou que nunca se deve pedir dinheiro a visita, mas a gente morava em favela, o portuguêss que tem palácio e se auto-intitula de Doutor ou Engenheiro não necessita dessa frescura, viu!

Não esqueça de deixar uns dollar em cima do ortoclismo se for ao banheiro pra próxima visita ter pelo menos papel higiénico.

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:30
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 22 de Dezembro de 2010

Brasil suspendeu acordo militar com Estados Unidos

wikileaks revela

O Itamaraty, sede da diplomacia brasileira, terminou uma parceria com os Estados Unidos para formação de militares após pressão para assinar um acordo que visava dificultar o Tribunal Penal Internacional, revelou esta quarta-feira a Folha de São Paulo a partir de telegramas do Wikileaks.

Iniciativa partir de George W. Bush

Segundo o jornal paulista, que teve acesso antecipado ao material  do Wikileaks, as negociações ocorreram sobretudo entre 2004 e 2005, segundo  telegramas da diplomacia americana obtidos pelo site que está na posse de documentos secretos da diplomacia norte-americana.

Em 2002, o Tribunal Penal Internacional, ligado às Nações Unidas,  foi criado para julgar casos de abusos contra os direitos humanos.

Os Estados Unidos não reconheceram a autoridade do novo órgão e o Governo  de George W. Bush começou então uma campanha para assinar acordos bilaterais  de imunidade -denominados genericamente "Artigo 98" - com países que reconheciam  o TPI.

O objetivo era que cidadãos americanos, sobretudo militares, que cometessem  crimes nesses países não fossem julgados no TPI, com sede em Haia, na Holanda.

Segundo os telegramas, inicialmente, o Brasil mostrou-se aberto a negociar  condições especiais para militares americanos que participassem em exercícios  em território nacional, mas acabou por repudiar o acordo.

A resposta americana foi cortar a verba do IMET (sigla do incentivo  internacional americano para formação de militares estrangeiros).

Sem o subsídio, o Brasil teve que reduzir drasticamente o número de  militares das Forças Armadas, inclusive pilotos de caças, enviados para  formação nos Estados Unidos, e buscar novas parcerias.

Consultado pelo jornal, o Governo brasileiro não respondeu se firmou  algum novo acordo.   

 

in Correio da Manhã

 

"Nem tanto ao mar nem tanto á terra" Acho que, no caso dos terrorismo podia ter-se aberto uma excepção no direito internacional (devidamente acordade entre estados soberanos), afinal os terroristas não respeitam os direitos humanos das suas vítimas. Matar inocentes para impor a nossa razão não é correcto. Nesse aspecto estou completamente contra a "cruzada" que Ana Gomes tem feito desde inicio. Não se lida com um rottweiler da mesma maneira que se lida com uma caniche. Não compreendo como se pode exigir que um terrorista que mata qualquer pessoa, mulher ou criança inocente, seja tratado com humanidade. Humanidade que este negou ás suas vítimas inocentes.

Por outro lado, minar, sabotar, arruinar a criação de autoridades internacionais que permitam que se faça justiça e que criminosos - independentemente onde tenha sido cometido o crime - sejam julgados pelos crimes cometidos e que recebam a penalização que merecem. Não é como acontece actualmente que basta serem brasileiros e ir para o Brasil para já não serem julgados pelos crimes que aqui cometeram.

 

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:20
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 2 de Abril de 2009

Carta de um militar a Lula da Selva

Carta ao Presidente Lula

Brasília, 9 de maio de 2008.

Sr. Presidente Lula,

 
Vossa Excelência, por ser ignorante ou embusteiro, não sabe ou finge não saber que antigamente a Linha de Tordesilhas delimitava as fronteiras do Brasil. Assim, quando Cabral chegou ao Brasil, a Amazónia e todo o atual Centro-Oeste brasileiro pertenciam a Espanha, não a Portugal, desde 1494.

Foram os portugueses que nos legaram a Amazônia, com sua ocupação física e a manutenção daquela imensa área, com a construção de inúmeras fortificações militares, como o Forte Príncipe da Beira, no Amazonas, em 1776. E quem tomava conta desses fortes? Não eram os Índios, Sr. Lula, eram os militares - assim como, até hoje, são os militares os únicos que se sacrificam servindo em Pelotões de Fronteira, tanto na Amazônia, como no Pantanal matogrossense (Forte Coimbra), enfrentando a malária, ONGs e sujeitos despreparados como o Sr., e são os únicos que têm condições reais de manter aquela extensa área sob o domínio do Brasil, área essa que outrora era denominada de Hiléia ou Inferno Verde.

Indio nunca tomou conta de nada, Sr. Lula, já que não tinha condições bélicas para enfrentar os bandeirantes portugueses e brasileiros, muito mais bem-armados. Em 500 anos, os Índios n�o aprenderam sequer a plantar feijão e arroz, e criar algumas galinhas, para seu sustento próprio, por isso exigem hoje esses latifundios raposânicos e ianomâmicos em Roraima.

Para que o Sr. tome conhecimento do histórico de ocupação da Amazônia, sugiro que leia a monografia do coronel-aviador Márcio João Zanetti, disponível no endereço

http://library.jid.org/en/mono45/Zanetti%20.pdf.

 

 Presidente Lula: volte à escola, já que no passado o Sr. fugiu do Mobral!

 

Atenciosamente,

 

Félix Maier

Capitão do Exército - QAO R/1

 

in Blog Praça darmas

 

Também lhe poderia endereçar algumas, uma vez que é um dos que na OMC se esforçou para que acabasse o cultivo de beterraba e o açúcar de beterraba em Coruche, segundo ele para defender as culturas e empregos de cana de açúcar, todos sabemos que os trabalhadores são escravos e as culturas pertencem a fazendeiros estrageiros que são os poucos e únicos beneficiários dessas políticas. Quanto ao preço que conseguem (165 dólares contra os nossos 700 dólares) de certeza que se tivessem que pagar seguros de vida, impostos e Segurança Social, formação e subsídio de refeição e uma série de coisas que aqui na Europa se paga decerto o açúcar saia muito mais caro que o nosso. Gaba-se esse senhor de que o açúcar lhe saí muito mais barato, pudera......

 

Fonte: http://www.wsws.org/pt/2007/jan2007/por1-j25.shtml

 

 

publicado por portuga-coruche às 16:46
link do post | comentar | favorito

.Citações Diárias

.Visitantes On-line

.Total de Visitas


Consultar Estatisticas

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Conversa entre Lula e Dil...

. Brasil suspendeu acordo m...

. Carta de um militar a Lul...

.últ. comentários

Sr José Sá, já confirmou a sua tese? Obrigado
Eu uso os produtos da HerbaLife há anos e são fant...
Tudo é muito aberta e muito clara explicação de qu...
Ė e nāo e pouco....
Subscrevo, já cá temos miséria que nos baste, e ge...
Por ser nutricionista e' que fala assim...
http://www.publico.pt/economia/noticia/herbalife-i...
essa empresa foi vendida a eden , que pelo visto a...
Estou para comprar um carro usado num stand de Sal...
VAI SE FERRAR. .INGERI OS COMPRIMIDOS DE MULTIVITA...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. abel matos santos

. acidente

. água

. águas do ribatejo

. almeirim

. apanhados

. aquecimento global

. assalto

. autarquia

. benavente

. biscainho

. blogosfera

. bombeiros

. burla

. câmara municipal de coruche

. carina

. cdu

. china

. ciência

. cigana

. ciganos

. clima

. climategate

. cobre

. comboio

. copenhaga

. cortiça

. coruche

. couço

. cp

. crianças

. crime

. criminalidade

. crise

. dai

. david megre

. desaparecida

. desaparecidos

. desemprego

. desporto

. dionísio mendes

. dívida

. douro

. droga

. economia

. edp

. educação

. emigração

. emprego

. energia

. ensino

. escola

. espanha

. etnia

. fajarda

. faleceu

. fascismo

. festas

. finanças

. fmi

. fome

. gnr

. humor

. imperialismo

. impostos

. insólito

. internet

. ipcc

. justiça

. ladrões

. lamarosa

. meteorologia

. mic

. miccoruche

. morte

. música

. phil jones

. pobreza

. política

. pontes

. procura-se

. racismo

. roubo

. santarém

. saúde

. segurança

. sociedade

. sub

. tempo

. ticmais

. toiros

. tourada

. touros

. trabalho

. tráfico

. tribunais

. video

. videos

. violência

. xenofobia

. todas as tags

.links

.Enviem Notícias e Comentários

CONTACTO

greenbit@sapo.pt

.pesquisar

 

.Outro Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds