Terça-feira, 26 de Maio de 2009

Alzheimer descrita como diabetes do cérebro

 

 

por LUÍS NAVES

 

 

Medicina. A relação entre os níveis de açúcar no sangue e a demência dos idosos ou a sua capacidade cognitiva foram objecto de dois estudos separados que esclarecem alguns dos segredos do envelhecimento do cérebro. Um terceiro estudo revelou a relação entre um gene e a longevidade

 

Insulina pode proteger contra o declínio mental

Três estudos divulgados no mesmo dia permitem compreender melhor o envelhecimento e abrem portas para prevenir alguns dos seus piores efeitos. Dois desses estudos ligam o Alzheimer à diabetes, enquanto um terceiro sugere que uma mutação genética está ligada à longevidade.

Um trabalho publicado pela revista Proceedings of the National Academy of Sciences aprofunda a já conhecida relação entre o nível da hormona insulina e a degradação do cérebro de doentes de Alzheimer, doença actualmente sem cura que afecta pessoas idosas.

Cientistas americanos e brasileiros estudaram neurónios ligados à memória, tratando-os com medicamentos usados no ataque à diabetes. Os investigadores perceberam que essas células ficavam menos susceptíveis aos efeitos de proteínas (ADDL) que se acumulam nos cérebros dos doentes de Alzheimer. Ou seja, os medicamentos usados para tratar a diabetes podem ter um novo papel no futuro. Segundo Sérgio Ferreira, da Universidade do Rio de Janeiro, citado pela BBC, "reconhecer que a doença de Alzheimer é uma espécie de diabetes do cérebro aponta-nos o caminho para novas descobertas e tratamentos".

A relação entre a função cerebral e o nível de açúcar no sangue foi objecto de um segundo estudo ontem divulgado pela revista médica Diabetes Care. Pessoas com diabetes correm um risco de demência na velhice 50% superior à de pessoas com o nível de açúcar estabilizado.

O estudo avaliou três mil pacientes, todos idosos, medindo os níveis de glucose e a capacidade cognitiva, concluindo que o açúcar é um dos factores que podem influenciar a capacidade cognitiva em idades mais avançadas. O estudo, no entanto, não conseguiu provar que a redução do açúcar melhore essas capacidades de alguma forma.

Entretanto, em Berlim, uma equipa de investigadores alemães con- firmou que uma mutação do gene FOXO3A está relacionada com a longevidade de pessoas centenárias.

A equipa da Universidade de Kiel comparou o ADN de 388 alemães de mais de cem anos com o de pessoas mais novas, descobrindo o papel da mutação. A constatação tinha já sido feita por um estudo que analisou centenários franceses e por outro trabalho sobre americanos de origem japonesa e com mais de 95 anos. Segundo os responsáveis pelo estudo alemão, os resultados mostram que em populações diferentes e no mundo inteiro a mutação neste gene tem provavelmente um papel que permite aos seus portadores atingir idade elevada.

 

in DN

publicado por portuga-coruche às 15:45
link | comentar | favorito
Terça-feira, 14 de Abril de 2009

Tratamento inovador renova esperança dos diabéticos

Pesquisa avança e moderniza o tratamento do diabetes

O aumento significativo de vítimas de diabetes tem impulsionado empresas e instituições de pesquisa a investir milhões de dólares no desenvolvimento de produtos e novas técnicas de tratamento no Brasil.

A Universidade de São Paulo (USP), em parceria com o Hospital Albert Einstein, realizou uma cirurgia inédita no País, que permite ao paciente produzir insulina sem precisar realizar o transplante do pâncreas, o que coloca o País no mesmo nível tecnológico de países como Canadá, Estados Unidos e também a Europa. Já a Universidade de Campinas (Unicamp) e a Usina da Barra caminham para o desenvolvimento de um açúcar especial para diabéticos. E pesquisadores da Unicamp, como Juliana Leite, coordenados pelo professor Kil Jin Park, estão concluindo um novo processo para obtenção de inulina a partir da verdura chicória, substância que substitui o açúcar e gordura, com vantagem de ter baixa caloria.

No Brasil existem cerca de 10 milhões de diabéticos.

Nova técnica

A cirurgia realizada no Hospital Albert Einstein consistiu num implante das ilhotas pancreáticas, células do pâncreas responsáveis pela produção de hormônios e principalmente da insulina. Essas células correspondem em média de 1% a 2% do órgão de doadores humanos. Retiradas dos doadores, as ilhotas são implantadas no diabético.

Não são colocadas no pâncreas, mas sim diretamente no fígado, o maior consumidor de insulina do corpo humano. Ali funcionam como um tipo de pâncreas artificial.

O índice internacional de sucesso dessa operação tem sido de 85% após um ano de implante e 75% após dois anos, segundo a pesquisadora responsável Mari Sogayar, do Instituto de Química da Universidade de São Paulo (USP). “Esse é o início de uma nova fase de pesquisas, que já duram cerca de nove anos. Pretendemos realizar mais 17 implantes nos próximos dois anos e meio”, diz Mari Sogayar.

“Esse tipo de cirurgia é indicado para pessoas com diabetes tipo 1, a mais grave. A paciente que realizou a cirurgia está muito bem, e será submetida a mais dois implantes. Por enquanto, ela ainda depende da insulina, mas em quantidade muito menor”, acrescenta.

A USP detém também parceria com a brasileira Biomm para o desenvolvimento de microcápsulas capazes de envolver as ilhotas pancreáticas, a fim de diminuir o índice de rejeição do implante.

Até agora, já foram investidos cerca de US$ 500 mil, provenientes principalmente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp). Há ainda apoio da Finep. Segundo a pesquisadora, os recursos disponíveis são insuficientes. Os interessados em ajudar podem realizar doações na agência 1897-X, conta n° 5.670-7 da Universidade de São Paulo – Nucel.

New Sugar

Segundo Glaucia Pastore, pesquisadora da Unicamp, a Usina da Barra, em parceria com a Universidade, investiu cerca de R$ 250 mil para o desenvolvimento de um açúcar inédito pré-biótico, isto é, feito de fibras, que traz inúmeros benefícios para a flora intestinal.

De acordo com Salvador Ferrari, gerente de pesquisa da Usina da Barra, o new sugar já está sendo comercializado pela Corn Products Brasil, mas ainda não é voltado para os diabéticos, pois tem sacarose. “Pretendemos desenvolver o new sugar para diabéticos, mas para isso serão necessários alguns milhões de dólares em equipamentos e pesquisa”, diz Ferrari.

 

in DiabetNet

 

Em Portugal já existem casos de sucesso com esta técnica que é realizada no Brazil no Hospital Albert Einstein. É o caso de Joe Berardo, conforme noticia o 24Horas:

 

Joe Berardo perdeu 20 quilos

 

 


O madeirense foi operado em S. Paulo, no Brasil, e ainda está em recuperação. Joe Berardo quis evitar problemas de saúde para o futuro

 
 

O conhecido empresário viajou para São Paulo, no Brasil, para se submeter a uma nova técnica da medicina na área da diabetes que é aplicada no Hospital Israelita Albert Einstein. A operação foi um sucesso, mas Joe Berardo ainda está em fase de recuperação, apesar da cirurgia já ter acontecido há cerca de um mês: "É uma nova técnica que fazem agora e os casos apresentam 98 por cento de sucesso", explica ao 24horas. O empresário perdeu 20 quilos, na sequência da operação, mas diz que o objectivo era evitar problemas futuros relacionados com a doença da diabetes: "Ainda estou em recuperação, mas tenho uma vida normal, deixei de tomar a medicação, o médico suspendeu tudo porque já não é necessário. Penso que agora tenho mais qualidade de vida e evito problemas no futuro", acrescenta, mostrando-se satisfeito com os resultados.

 

Joe Berardo já regressou, entretanto, ao trabalho e à agenda preenchida: "Ainda não estou em grande forma, pois a operação é muito recente, mas está tudo a correr bem e sinto-me muito bem". Durante a estada no Brasil, o empresário não passou despercebido e deu uma entrevista ao jornal "Folha de S. Paulo" em que falou dos projectos que tem naquele país e sobre a crise que assola o mundo.

 

 

 

in  24Horas

publicado por portuga-coruche às 10:34
link | comentar | favorito

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Alzheimer descrita como d...

. Tratamento inovador renov...

.últ. comentários

Sr José Sá, já confirmou a sua tese? Obrigado
Eu uso os produtos da HerbaLife há anos e são fant...
Tudo é muito aberta e muito clara explicação de qu...
Ė e nāo e pouco....
Subscrevo, já cá temos miséria que nos baste, e ge...
Por ser nutricionista e' que fala assim...
http://www.publico.pt/economia/noticia/herbalife-i...
essa empresa foi vendida a eden , que pelo visto a...
Estou para comprar um carro usado num stand de Sal...
VAI SE FERRAR. .INGERI OS COMPRIMIDOS DE MULTIVITA...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. abel matos santos

. acidente

. água

. águas do ribatejo

. almeirim

. apanhados

. aquecimento global

. assalto

. autarquia

. benavente

. biscainho

. blogosfera

. bombeiros

. burla

. câmara municipal de coruche

. carina

. cdu

. china

. ciência

. cigana

. ciganos

. clima

. climategate

. cobre

. comboio

. copenhaga

. cortiça

. coruche

. couço

. cp

. crianças

. crime

. criminalidade

. crise

. dai

. david megre

. desaparecida

. desaparecidos

. desemprego

. desporto

. dionísio mendes

. dívida

. douro

. droga

. economia

. edp

. educação

. emigração

. emprego

. energia

. ensino

. escola

. espanha

. etnia

. fajarda

. faleceu

. fascismo

. festas

. finanças

. fmi

. fome

. gnr

. humor

. imperialismo

. impostos

. insólito

. internet

. ipcc

. justiça

. ladrões

. lamarosa

. meteorologia

. mic

. miccoruche

. morte

. música

. phil jones

. pobreza

. política

. pontes

. procura-se

. racismo

. roubo

. santarém

. saúde

. segurança

. sociedade

. sub

. tempo

. ticmais

. toiros

. tourada

. touros

. trabalho

. tráfico

. tribunais

. video

. videos

. violência

. xenofobia

. todas as tags

.links

.Enviem Notícias e Comentários

CONTACTO

greenbit@sapo.pt

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds