Quinta-feira, 25 de Fevereiro de 2010

Utentes queixam-se do serviço na linha ferroviária Setil – Coruche

 

O vereador do PS na Câmara de Salvaterra de Magos, Hélder Esménio, apresentou uma série de recomendações para melhorar a qualidade do serviço na ligação ferroviária Setil – Coruche, elaboradas a partir de queixas que lhe têm chegado por parte dos utentes do deste novo serviço da CP.

Uma delas tem a ver com a falta de segurança na estação de Muge, concelho de Salvaterra, onde os muitos assaltos a viaturas têm levado os utentes a optar por estacionar perto dos estabelecimentos comerciais na Estrada Nacional 118, em vez de o fazer junto ao apeadeiro.

O vereador sugere que a Câmara deve avançar rapidamente com a colocação de iluminação pública, construir passeios e remover o lixo e entulho que por ali se foi acumulando, dando um aspecto digno ao acesso à estação.

A falta de uma ligação telefónica directa à linha de informações da CP é outra questão referida por Hélder Esménio, que não compreende porque razão a empresa ainda não equipou a estação de Muge com este dispositivo.

Trata-se de um pequeno investimento que “seria muito importante para saber de eventuais atrasos ou avarias”, e já fez muita falta quando a circulação ferroviária este interrompida e os passageiros ficaram sem saber se haveria transporte alternativo, assinala.

Na estação do Setil, onde é feita a ligação à Linha do Norte, os utentes queixam-se sobretudo da falta de sanitários e de um abrigo com dimensões adequadas para proteger os passageiros quando está a chover.

Lembrando que o tempo de espera chega a ser de 30 minutos, para alguns comboios, o vereador considera que a autarquia deveria pressionar a empresa pública para resolver estas questões e melhorar a qualidade do serviço que presta.

Desactivado durante duas décadas, o ramal Coruche – Setil, que tem uma extensão de 24,8 quilómetros, entrou novamente em funcionamento em Setembro de 2009, depois de um investimento de 430 mil euros por parte da REFER.

O serviço passou a garantir a ligação ferroviária diária entre Coruche e Lisboa, com benefícios directos para os passageiros deste concelho, de Salvaterra e do Cartaxo.

 

in O Ribatejo

publicado por portuga-coruche às 07:30
link | comentar | favorito
Segunda-feira, 18 de Janeiro de 2010

Ligação ferroviária Coruche-Lisboa com balanço positivo

A reactivação da ligação ferroviária entre Coruche e Lisboa é um sucesso.

Segundo a CP, entre 7 de Setembro – dia em que a ligação foi retomada – até ao fim de Novembro de 2009 utilizaram esta ligação 11.815 passageiros, o que perfaz mais de 700 utentes por semana.

Ainda de acordo com os dados da CP e da REFER, as viagens com maior número de passageiros registam-se entre Coruche e as estações da Gare do Oriente e Sta. Apolónia, em Lisboa, ou as ligações entre Coruche e Marinhais.

Com o objectivo de melhorar as condições deste serviço, a CP e a REFER pretendem melhorar os abrigos de passageiros, e a colocação de uma cobertura para a passagem aérea, no Setil. A abertura de instalações sanitárias na estação do Setil está também entre as melhorias a concretizar, disse o vice-presidente do município, Paulo Varanda.

Além disso, a câmara do Cartaxo está a elaborar um questionário a colocar aos utilizadores do caminho-de-ferro que passam por Santana, no sentido de ajustar o tarifário actual. O objectivo é, igualmente, que o preço do bilhete entre Santana e o Setil seja revisto.

Recorde-se que este serviço estava desactivado desde 2004 por falta de rentabilidade

 

in Rádio Cartaxo 102.9 FM

publicado por portuga-coruche às 09:31
link | comentar | favorito
Quinta-feira, 17 de Setembro de 2009

Três dezenas de passageiros ficaram apeados na estação de Coruche

Cerca de três dezenas de passageiros que pretendiam apanhar o comboio na estação do caminho-de-ferro em Coruche ao final da manhã de sábado, 12 de Setembro, ficaram apeados e sem qualquer informação sobre os horários de comboios naquele dia. António Campos, que tinha planeado fazer essa viagem de comboio até Lisboa, verificou, antes de sair de casa, os horários dos comboios na internet. A locomotiva das 12h38 era a que lhe dava mais jeito e chegaria a tempo de almoçar na capital com a família.

O autocarro da Rodoviária que transporta os passageiros entre a vila e a estação de caminho-de-ferro consoante o horário dos comboios levou-os numa viagem de aproximadamente três quilómetros. Já na estação é que os pretensos passageiros tiveram conhecimento através de um papel informativo que o comboio das 12h38 tinha sido antecipado para as 11h40.

“Foi uma confusão porque as pessoas tinham a sua vida organizada e precisavam de apanhar aquele comboio para compromissos que já estavam marcados. Como é possível alterarem os horários de um dia para o outro e não avisarem nem alterarem também na internet automaticamente”, interroga António Campos, reforçando que teve o cuidado de ver os horários antes de sair de casa.

 

O MIRANTE verificou na página da internet da CP que o horário antigo do trajecto Coruche-Lisboa esteve online durante todo o fim-de-semana tendo sido alterado na segunda-feira de manhã.

 

Recorde-se que o transporte ferroviária de passageiros entre Coruche e Setil (Cartaxo), com ligação a Lisboa pela Linha do Norte, foi reactivado no dia 7 de Setembro (havia sido suspenso em 2004 por falta de rentabilidade) e até sábado passado as viagens foram gratuitas.

 

Veja a notícia completa na edição semanal que sai à quinta-feira.

 

in O Mirante

 

publicado por portuga-coruche às 10:44
link | comentar | favorito
Terça-feira, 8 de Setembro de 2009

Comboios voltam a circular entre Lisboa e Coruche

Ministério das Obras Públicas, Transportes e Comunicações

Linha de Vendas Novas: Comboios voltam a circular entre Lisboa e Coruche

 

A Secretária de Estado dos Transportes, Ana Paula Vitorino, presidiu hoje à cerimónia de reabertura do serviço ferroviário de transporte de passageiros na Linha de Vendas Novas, entre Lisboa e Coruche.

O novo serviço, que volta a aproximar as populações dos concelhos de Cartaxo, Coruche, Salvaterra de Magos e Lisboa, contará com dez circulações diárias, nos dias úteis (cinco em cada sentido), e seis comboios aos sábados (três em cada sentido), entre as estações de Coruche e Setil, com paragem em Marinhais e Muge.

Para assinalar a reabertura deste serviço, as viagens entre Setil e Coruche serão gratuitas na primeira semana, ou seja de 8 a 12 de Setembro.

Trata-se um momento histórico para esta região, em franco crescimento populacional, já que o novo serviço resulta de um modelo inovador, em que os défices de exploração serão partilhados pela CP e as Câmaras Municipais, em linha com as Orientações Estratégicas para o Sector Ferroviário, traduzindo o empenho das administrações Central e Local na concretização desta iniciativa.

Este compromisso decorre da celebração de um Protocolo, assinado no passado dia 22 de Julho, entre a CP, a Refer e as Câmaras Municipais do Cartaxo, Coruche e Salvaterra de Magos.

A reabertura do troço Coruche-Setil ao tráfego de comboios de passageiros implica um investimento de cerca 430 mil euros por parte da Refer, para a realização de trabalhos de adaptação das Estações abrangidas.

O troço Coruche-Setil tem uma extensão de 24,8 quilómetros e atravessa os concelhos de Coruche, Salvaterra de Magos e Cartaxo. O tempo total do trajecto até Setil será de 30 minutos, optimizando as ligações à cidade de Lisboa e assegurando a ligação ferroviária ao norte do País. A ligação Coruche-Lisboa terá a duração de 1h21.

 

in Portal do Governo

publicado por portuga-coruche às 09:37
link | comentar | favorito
Sexta-feira, 31 de Julho de 2009

Comboios de Coruche ao Setil para ligação a Lisboa em Setembro

Composição de 264 lugares sentados vai funcionar de segunda a sábado
Comboios de Coruche ao Setil para ligação a Lisboa em Setembro
 

foto

Protocolo prevê que o serviço garanta 16 viagens diárias de ida e volta nos dias úteis.

 

   

 

 

O transporte de passageiros na linha ferroviária Coruche-Setil (Cartaxo) e posterior ligação a Lisboa começa a funcionar a partir de meados de Setembro durante um período experimental de dois anos, após a desactivação da circulação de passageiros na antiga linha de Vendas Novas em 2004 por falta de rentabilidade.

A secretária de Estado dos Transportes, Ana Paula Vitorino, apadrinhou dia 22 de Julho, em Coruche, a assinatura do protocolo que envolve a Refer, empresa que gere a infra-estrutura ferroviária, a CP, operadora de transporte, e os municípios de Cartaxo, Salvaterra de Magos e Coruche.

Promover o transporte ferroviário de passageiros a partir dos três concelhos de forma mais rápida, económica e ambientalmente vantajosa é o principal objectivo do protocolo. A CP disponibiliza uma composição com capacidade para 264 lugares sentados e garante 10 viagens (cinco em cada sentido de manhã à noite) nos dias úteis e seis viagens (três em cada sentido), aos sábados, de Coruche a Lisboa, com paragens nas estações de Marinhais e de Muge. No Setil, os passageiros terão de fazer transbordo para composições que seguem na linha do Norte (ver caixas).

No que respeita a responsabilidades, a Refer compromete-se a investir 430 mil euros para beneficiação das estações de Coruche, Marinhais e Muge, além da criação de estacionamento, iluminação e outras melhorias. A CP terá de suportar 50 por cento do custo de exploração do serviço, estimado em 49 mil euros mensais. A cada um dos três municípios cumpre pagar sete mil euros mensais à CP, correspondentes a 16,66 por cento.

As autarquias terão ainda de garantir as acessibilidades entre as estações e os serviços de transportes, sejam eles municipais ou por operadores privados. Têm ainda de assegurar a manutenção e conservação dos espaços, a sua limpeza e vigilância pública.

 

Campanha pública

para atrair passageiros

Ana Paula Vitorino sublinhou que a reactivação da linha a partir de Coruche dá seguimento à estratégia do Governo de reforço do comboio como transporte estratégico esperando que na fase inicial de funcionamento sejam garantidos 100 passes mensais. A governante garantiu ainda que a estação do Setil servirá como eixo de ligação rodoviária e ferroviária ao futuro aeroporto em Alcochete e ao Poceirão.

Os presidentes das três autarquias estão também satisfeitos. Para Dionísio Mendes, autarca de Coruche, o funcionamento da linha para passageiros irá facilitar a vida aos residentes que trabalham ou estudam fora e atrair novos moradores. “Acredito que vamos chegar ao fim destes dois anos com nível zero de custos”, confessou.

No Cartaxo a vantagem é a possibilidade de passageiros que apanham comboios em Azambuja o fazerem no Setil, estando os sete quilómetros de ligação da cidade à estação candidatados a fundos comunitários para serem reabilitados. “Devemos ter no concelho 150 a 200 passageiros que fazem diariamente o trajecto para Lisboa. Com passe mensal a custar 70 euros desde o Cartaxo, os utentes vão ter acesso a várias ligações”, afirmou a O MIRANTE.

Sobre Salvaterra de Magos, a presidente Ana Cristina Ribeiro disse que o essencial passa por fazer uma campanha de informação junto das populações e disponibilizar transportes urbanos que sirvam as freguesias e as estações.

 

Horários diversificados, preços por definir e sem direito a domingos

Os horários definidos nos dias úteis prevêem partidas madrugadoras das estações da região e regressos até perto das 21h30. Em Coruche haverá partidas às 06h36, 07h50, 12h38, 17h44 e 19h43. A viagem de Coruche ao Setil demora meia hora. Do Setil a Santa Apolónia a primeira chegada é às 08h11. A partir daí chegam comboios às 09h11, 14h11, 19h11 e 21h11.

De Lisboa para a região a primeira partida da capital faz-se às 05h48 com chegada ao Setil às 06h42. Daí haverá ligações a partir das 07h12. A última saída de Lisboa dá-se às 19h48 com chegada ao Setil pelas 20h42.

Ao sábado estão definidas partidas de Coruche às 08h05, 12h38 e 18h36 com chegadas a Santa Apolónia às 09h41, 14h11 e 20h11. Os regressos da capital far-se-ão em três horários 07h48, 13h48 e 18h48). As chegadas à última estação (Coruche) realizam-se às 09h20, 15h20 e 20h29.

O presidente do conselho de administração da CP, Cardoso dos Reis, disse a O MIRANTE que a oferta de horários e preços na reactivação da linha é a possível. No caso da ausência de comboios aos domingos, adianta que só se farão alterações caso a procura o justifique.

 

in O Mirante

publicado por portuga-coruche às 11:02
link | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 13 de Julho de 2009

Linha ferroviária Coruche - Lisboa

Cartaxo vai ter transporte ferroviário de passageiros no Setil já a partir de Setembro

 

 A partir de Setembro, os habitantes do concelho do Cartaxo vão poder apanhar o comboio na estação do Setil e chegar em menos de uma hora a Lisboa. Esta ligação ferroviária foi conquistada pelas Câmaras Municipais do Cartaxo, Coruche e Salvaterra de Magos, numa última reunião, realizada no dia 19 de Junho, com a Secretaria de Estado dos Transportes, a REFER e a CP. Paulo Caldas, presidente da Câmara do Cartaxo, informou na última reunião de Câmara, a 24 de Junho, que haverá cinco comboios regionais, em horas de ponta (manhã, almoço e fim da tarde), a fazer o trajecto Coruche – Lisboa, com paragem em Marinhais, Setil e outras estações principais. 

   Esta ligação ferroviária vai fazer do Setil uma estação privilegiada para quem optar pelo comboio nas suas viagens, evitando a necessidade de uma deslocação mais distante ou com menos alternativas às estações de Santana/Cartaxo ou Azambuja. 

   Paulo Caldas afirmou que “há uma grande vantagem de os comboios serem regionais, porque assim os cartaxeiros podem apanhar o comboio no Setil e, de forma rápida e célere, chegarem, comodamente, a Lisboa e também a Coruche”. 

   O bilhete individual para quem apanhe o comboio na estação do Setil será de 1,50€ e o passe mensal de cerca de 70€. 

   Para valorizar o acesso à estação do Setil, a Câmara Municipal do Cartaxo vai avançar já no mês de Agosto, com a beneficiação da estrada que liga a cidade do Cartaxo ao Setil – principal nó de ligação ferroviário da Linha do Norte. A intervenção nesta via estruturante vai ultrapassar os 900 mil euros. 

   O município vai igualmente criar mais espaço e melhores condições de estacionamento junto à estação, para que quem usufrua do comboio possa deixar o seu veículo em segurança, assim como estender o TUC – Transporte Urbano do Cartaxo, até ao Setil. 

   Esta nova dinâmica de mobilidade ferroviária, para além de satisfazer uma ambição de décadas é também “um passo em frente para a ligação futura do nó ferroviário do Setil ao Novo Aeroporto Internacional de Lisboa”, afirmou Paulo Caldas, acrescentando que “com esta futura realidade, o Setil desempenhará um papel fundamental na rede de acessibilidades e mobilidade territorial, a nível regional e nacional”.

   Fonte: Gabinete de Imagem e Comunicação da Câmara Municipal do Cartaxo

 

inTinta Fresca

publicado por portuga-coruche às 10:05
link | comentar | ver comentários (13) | favorito

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Utentes queixam-se do ser...

. Ligação ferroviária Coruc...

. Três dezenas de passageir...

. Comboios voltam a circula...

. Comboios de Coruche ao Se...

. Linha ferroviária Coruche...

.últ. comentários

Sr José Sá, já confirmou a sua tese? Obrigado
Eu uso os produtos da HerbaLife há anos e são fant...
Tudo é muito aberta e muito clara explicação de qu...
Ė e nāo e pouco....
Subscrevo, já cá temos miséria que nos baste, e ge...
Por ser nutricionista e' que fala assim...
http://www.publico.pt/economia/noticia/herbalife-i...
essa empresa foi vendida a eden , que pelo visto a...
Estou para comprar um carro usado num stand de Sal...
VAI SE FERRAR. .INGERI OS COMPRIMIDOS DE MULTIVITA...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. abel matos santos

. acidente

. água

. águas do ribatejo

. almeirim

. apanhados

. aquecimento global

. assalto

. autarquia

. benavente

. biscainho

. blogosfera

. bombeiros

. burla

. câmara municipal de coruche

. carina

. cdu

. china

. ciência

. cigana

. ciganos

. clima

. climategate

. cobre

. comboio

. copenhaga

. cortiça

. coruche

. couço

. cp

. crianças

. crime

. criminalidade

. crise

. dai

. david megre

. desaparecida

. desaparecidos

. desemprego

. desporto

. dionísio mendes

. dívida

. douro

. droga

. economia

. edp

. educação

. emigração

. emprego

. energia

. ensino

. escola

. espanha

. etnia

. fajarda

. faleceu

. fascismo

. festas

. finanças

. fmi

. fome

. gnr

. humor

. imperialismo

. impostos

. insólito

. internet

. ipcc

. justiça

. ladrões

. lamarosa

. meteorologia

. mic

. miccoruche

. morte

. música

. phil jones

. pobreza

. política

. pontes

. procura-se

. racismo

. roubo

. santarém

. saúde

. segurança

. sociedade

. sub

. tempo

. ticmais

. toiros

. tourada

. touros

. trabalho

. tráfico

. tribunais

. video

. videos

. violência

. xenofobia

. todas as tags

.links

.Enviem Notícias e Comentários

CONTACTO

greenbit@sapo.pt

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds