Sexta-feira, 21 de Janeiro de 2011

CP confirma suspensão de comboios de passageiros entre Coruche e Setil

Circulação vai ser suprimida no primeiro dia de Fevereiro anunciou a empresa

 
Câmara de Coruche garante que vai continuar a lutar pela manutenção do transporte de passageiros enquanto o presidente da Câmara do Cartaxo quer passe interurbano até ao Setil.

  

É oficial. A 1 de Fevereiro a CP suspende o serviço de transporte de passageiros entre Coruche e Setil da linha de Vendas Novas, reactivado em Setembro de 2009, após cinco anos de interregno. Falta de procura e incumprimento do protocolo por parte dos municípios de Coruche, Cartaxo e Salvaterra de Magos, que têm em atraso os pagamentos para atenuar os prejuízos de exploração da linha, são as razões apontadas pela CP. Desde sexta-feira, 14 de Janeiro, que a informação está disponível tanto no site da CP como nas estações e comboios daquele serviço. Adianta-se que não estão reunidas condições para a continuidade da exploração do serviço.

 

A dívida dos três municípios à CP ascende a 280 mil euros. Sem plano de pagamentos credível por parte das autarquias, a CP não admite a continuidade do serviço, informação dada por um administrador da CP Regional e Longo Curso durante um debate realizado a semana passada na Antena 1.

 

Das três câmaras, apenas a de Coruche apresentou um plano de pagamentos que previa que, a partir de Janeiro de 2011, a autarquia pagasse, por cada mês correspondente, mais dois de atraso. Cada autarquia responsabilizou-se por pagar sete mil euros mensais. À CP cabia assegurar a restante verba de um prejuízo de exploração mensal na ordem dos 50 mil euros.

 

Câmara de Coruche não desiste

Com as posições extremadas e acusações de ambos os lados, chegou-se a um impasse desfeito dia 14. Do lado de Coruche, em comunicado emitido segunda-feira, o município garante que continua a ser a “locomotiva” que puxa pela ligação de comboio até Lisboa. Recorda que já em Outubro de 2010 reclamou junto das restantes entidades e da tutela que deveria haver por parte da CP e Refer novos horários, melhores condições na estação do Setil, novos tarifários, mais promoção e publicidade do serviço, potenciação de outras áreas de negócio, entre outros desígnios.

 

“Somos da opinião que a decisão de manter activo ou não este serviço, é uma decisão política. Como tal, é para a Câmara Municipal de Coruche primordial saber se há efectivamente essa vontade política por parte da tutela”, pode ler-se no comunicado, ainda que admita que, isoladamente, pouco pode fazer para contrariar a suspensão do serviço.

 

Para o presidente da Câmara do Cartaxo a decisão da CP é “lamentável”, mesmo tendo em consideração que no Cartaxo dez utentes fazem uso regular do serviço a partir do Setil. Paulo Caldas admite que o Cartaxo pouco ou nada pagou das prestações mensais e que o mesmo aconteceu com os restantes municípios, por não estarem a ser bem servidos.

 

“Se é para pôr em causa o serviço, que pelo menos a CP prolongue o passe interurbano até ao Setil em vez de ser apenas até Azambuja. Arranjámos autocarro gratuito até ao Setil, vamos arranjar a estrada. Haja quem mande e concerte posições”, sublinha o autarca.

Contactada em várias ocasiões a dar opinião sobre a matéria, a Câmara de Salvaterra de Magos nunca esclareceu a sua posição.

 

Do lado dos utentes do comboio existe insatisfação pela anunciada supressão do serviço. Susana Alberto, moradora em Marinhais que trabalha na zona de Lisboa, lembra a reunião recente em que a presidente da Câmara de Salvaterra de Magos disse que se iria tentar resolver rapidamente a situação. Para a utente há que apelar ao bom senso das três câmaras municipais, já que a CP pode reconsiderar a continuação do serviço se as câmaras apresentarem planos de pagamentos

 

in O Mirante.

 

 

Como é possível que um transporte colectivo seja suprimido por não ter utilizadores numa altura em que toda a gente se queixa que existe crise?! São tão poucas assim as pessoas que habitam em Coruche e que diariamente se deslocam para os destinos do comboio?

Possivelmente existem outros factores, como o tempo que leva a viagem e o conforto de um comboio.

Antes de terem retomado as viagens a CMC deveria ter mobilizado as pessoas e proceder a um levantamento dos interessados diáriamente, com a ajuda da RVS e de comunicados afixados, feito esse levantamento/inscrições ficariam com uma ideia de quando se poderia gastar e da viabilidade do transporte. Evitariam uma dívida galopante e este desfecho.

 

publicado por portuga-coruche às 07:10
link | comentar | favorito

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Corte no abastecimento de...

. Novo estudo sobre toxidad...

. De olhos bem abertos

. GNR apanha ladrões de bom...

. 85% da divida foi gerada ...

. Continuamos à Espera

. Orientação Pedestre - Cam...

. Dakar Desert Challenge ap...

. Coruche acolhe caravana d...

. DIA EUROPEU DO ENOTURISMO...

.últ. comentários

Sr José Sá, já confirmou a sua tese? Obrigado
Eu uso os produtos da HerbaLife há anos e são fant...
Tudo é muito aberta e muito clara explicação de qu...
Ė e nāo e pouco....
Subscrevo, já cá temos miséria que nos baste, e ge...
Por ser nutricionista e' que fala assim...
http://www.publico.pt/economia/noticia/herbalife-i...
essa empresa foi vendida a eden , que pelo visto a...
Estou para comprar um carro usado num stand de Sal...
VAI SE FERRAR. .INGERI OS COMPRIMIDOS DE MULTIVITA...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. abel matos santos

. acidente

. água

. águas do ribatejo

. almeirim

. apanhados

. aquecimento global

. assalto

. autarquia

. benavente

. biscainho

. blogosfera

. bombeiros

. burla

. câmara municipal de coruche

. carina

. cdu

. china

. ciência

. cigana

. ciganos

. clima

. climategate

. cobre

. comboio

. copenhaga

. cortiça

. coruche

. couço

. cp

. crianças

. crime

. criminalidade

. crise

. dai

. david megre

. desaparecida

. desaparecidos

. desemprego

. desporto

. dionísio mendes

. dívida

. douro

. droga

. economia

. edp

. educação

. emigração

. emprego

. energia

. ensino

. escola

. espanha

. etnia

. fajarda

. faleceu

. fascismo

. festas

. finanças

. fmi

. fome

. gnr

. humor

. imperialismo

. impostos

. insólito

. internet

. ipcc

. justiça

. ladrões

. lamarosa

. meteorologia

. mic

. miccoruche

. morte

. música

. phil jones

. pobreza

. política

. pontes

. procura-se

. racismo

. roubo

. santarém

. saúde

. segurança

. sociedade

. sub

. tempo

. ticmais

. toiros

. tourada

. touros

. trabalho

. tráfico

. tribunais

. video

. videos

. violência

. xenofobia

. todas as tags

.links

.Enviem Notícias e Comentários

CONTACTO

greenbit@sapo.pt

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds