Segunda-feira, 31 de Maio de 2010

"Com Romeu e Julieta à portuguesa"

"Espírito indomável", assinada por Sandra Santos, é a mais recente novelada TVI . A autora diz que aqui a vilania é explorada ao ponto de suster o fôlego

Formou-se em jornalismo, mas abandonou a actividade há dez anos. Porquê? Sandra Santos deixou-se levar pela paixão do escrever, embora tenha saudades da perspectiva mais factual dos textos. Porém, não se arrepende da decisão.

 

foto Gonçalo Villaverde/global imagens
Sandra Santos (segunda à esquerda) com as restantes guionistas

 

"É muito compensador poder criar", refere. "Espírito Indomável", que agora estreia, com Vera Kolodzig no principal papel, é a sua terceira novela, contando com a ajuda das argumentistas Andreia Vicente, Cláudia Marques, Irina Gomes e Mafalda Ferreira, da Casa da Criação, depois de "Feitiço de Amor", e "Deixa que te leve" em co-autoria com Patrícia Muller.

De que forma "Espírito Indomável" toca as suas novelas anteriores?

É muito distinta das outras. A única coisa que tem em comum, realmente, é a autora. É muito mais rural, tem uma intensidade dramática que as outras não têm, e novidades dentro do género novela em Portugal.

Tem algumas cenas mais ousadas?

A nível de acção, sim. Cenas que são mais comuns de ver em séries. Há uma certa agressividade nas histórias. Trata-se de um estilo de narrativa diferente.

Com personagens mais extremadas e maniqueísmo presente?

Sim, um pouco. São personagens mais marcadas. Está muito em voga dizer-se que nenhuma personagem é totalmente má, ou totalmente boa. E, de facto, também aqui há essa preocupação com a humanidade. Até o vilão tem sentimentos. Não há papéis só brancos, ou só pretos.

Uma vasta paleta de cores, então?

Há muitos cinzentos. Mas a vilania é aqui explorada ao ponto de fazer suster o fôlego.

Relativamente a ganchos temáticos da história, grosso modo, quais são os pontos fortes?

É uma saga familiar. Temos uma vingança de sangue que implica dois clãs. A meio do enredo, haverá uma reviravolta que porá tudo em questão, mesmo as motivações das famílias envolvidas.

Há três comparações que poderão surgir em relação à novela :"Rei do Gado", a cena bíblica de Moisés à deriva do rio em bebé, e "Romeu e Julieta" de Shakespeare?

Com o "Rei do Gado" tem apenas semelhanças relativamente ao gado. Talvez tenha mais parecenças com "Pantanal". Podemos ser originais com coisas que já foram inventadas e isso pode ser feito com um clássico de um grande mestre como o William Shakespeare. Temos mesmo uma história de "Romeu e Julieta" à portuguesa. Face a Moisés, é um facto assumido que me inspirei.

Coruche enquanto pano de fundo prende-se com o facto de se explorar a cortiça na trama?

Sim. Tivemos a sorte de ter o apoio da autarquia de Coruche, que é um dos conselhos que mais produz cortiça, o que nos caiu como uma luva para a história.

As rolhas representam um forte mercado de exportação português. Teve em atenção o aproximar à realidade lusa?

Sem dúvida. E também no que toca à criação de gado em Portugal.

Porquê a escolha do Uruguai para arranque da trama?

O Brasil seria muito óbvio. O Uruguai tem tradições engraçadas, sugere personagens mais "pitorescas", mais marcadas.

Numa fase de convulsão social no nosso país, que temáticas fracturantes são abordadas?

Fracturante, apenas a questão do incesto, que não o chega a ser, pois não haverá um envolvimento real entre dois irmãos.

Suscitará polémica?

Talvez por parte de uma facção de espectadores mais conservadora.

Não sendo a intriga cosmopolita, a actualidade foi deixada de parte?

Nós ainda vamos continuar a escrever episódios por algum tempo, logo é natural que possamos vir a inserir temas com mais actualidade no decorrer da novela.

Como a crise económica?

Isso sempre. Temos famílias rurais com muitas dificuldades económicas, que lutam diariamente.

O elenco é o que gostaria de ter?

Tenho muita sorte. Não escolheria outro, é o ideal.

 

 

in Jornal Notícias

 

publicado por portuga-coruche às 07:10
link | comentar | favorito
2 comentários:
De Cruxe a 1 de Junho de 2010 às 01:40
Não sabia que Coruche era um conSelho. Deve ser do novo acordo ortográfico.
Estes jornalistas nem escrever correctamente sabem...
De monkey a 1 de Junho de 2010 às 11:25
Tenho já uma crítica..certas imagens deviam ter sido filmadas no açude da agolada e não numa kk cascata do uruguai.. :-D

Comentar post

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Corte no abastecimento de...

. Novo estudo sobre toxidad...

. De olhos bem abertos

. GNR apanha ladrões de bom...

. 85% da divida foi gerada ...

. Continuamos à Espera

. Orientação Pedestre - Cam...

. Dakar Desert Challenge ap...

. Coruche acolhe caravana d...

. DIA EUROPEU DO ENOTURISMO...

.últ. comentários

Sr José Sá, já confirmou a sua tese? Obrigado
Eu uso os produtos da HerbaLife há anos e são fant...
Tudo é muito aberta e muito clara explicação de qu...
Ė e nāo e pouco....
Subscrevo, já cá temos miséria que nos baste, e ge...
Por ser nutricionista e' que fala assim...
http://www.publico.pt/economia/noticia/herbalife-i...
essa empresa foi vendida a eden , que pelo visto a...
Estou para comprar um carro usado num stand de Sal...
VAI SE FERRAR. .INGERI OS COMPRIMIDOS DE MULTIVITA...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. abel matos santos

. acidente

. água

. águas do ribatejo

. almeirim

. apanhados

. aquecimento global

. assalto

. autarquia

. benavente

. biscainho

. blogosfera

. bombeiros

. burla

. câmara municipal de coruche

. carina

. cdu

. china

. ciência

. cigana

. ciganos

. clima

. climategate

. cobre

. comboio

. copenhaga

. cortiça

. coruche

. couço

. cp

. crianças

. crime

. criminalidade

. crise

. dai

. david megre

. desaparecida

. desaparecidos

. desemprego

. desporto

. dionísio mendes

. dívida

. douro

. droga

. economia

. edp

. educação

. emigração

. emprego

. energia

. ensino

. escola

. espanha

. etnia

. fajarda

. faleceu

. fascismo

. festas

. finanças

. fmi

. fome

. gnr

. humor

. imperialismo

. impostos

. insólito

. internet

. ipcc

. justiça

. ladrões

. lamarosa

. meteorologia

. mic

. miccoruche

. morte

. música

. phil jones

. pobreza

. política

. pontes

. procura-se

. racismo

. roubo

. santarém

. saúde

. segurança

. sociedade

. sub

. tempo

. ticmais

. toiros

. tourada

. touros

. trabalho

. tráfico

. tribunais

. video

. videos

. violência

. xenofobia

. todas as tags

.links

.Enviem Notícias e Comentários

CONTACTO

greenbit@sapo.pt

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds