Segunda-feira, 26 de Abril de 2010

CDU de Coruche diz que câmara escondeu baixa execução de 2009 em reunião à porta fechada

Os vereadores da CDU na Câmara de Coruche, Ortelinda Nunes e Rodrigo Catarino, faltaram à reunião extraordinária do executivo que se realizou dia 21 por considerarem antidemocrático e uma forma pouco clara de fazer política a discussão e votação das contas de gerência da autarquia à porta fechada.

 

 

Em conferência de imprensa no dia seguinte ao da reunião, os vereadores da CDU, e outros membros da coligação, lembraram como a contas de 2009 foram metidas numa ordem de trabalhos sem outros assuntos que consideram não ter tanta importância, como a discussão de propostas de regulamentos de transportes escolares, recrutamento de trabalhadores ou a contratação de seguros, para citar alguns exemplos.

 

 

“Teve um claro objectivo político de esconder e dissimular a parca execução do plano plurianual de actividades em 2009, de pouco mais de 40 por cento, o que é expediente inaceitável para evitar que a comunicação social torne públicos esses números”, acusou Rodrigo Catarino. Lembrou também que as contas da autarquia podiam ter sido discutidas na reunião de dia 14 como na próxima reunião de dia 27, ambas ordinárias.

 

 

Mais detalhes da notícia na próxima edição semanal de O MIRANTE.

 

in O Mirante

publicado por portuga-coruche às 07:00
link | comentar | favorito
Domingo, 25 de Abril de 2010

Roubo de cobre continua .....

Homem electrocutado em Leiria

Queimado a furtar cobre

Ferido foi transportado de helicóptero para os HUC

Um homem que estaria a tentar furtar cobre sofreu ontem queimaduras graves devido a uma descarga eléctrica na central de distribuição da cimenteira da Maceira, no concelho de Leiria.

O ferido, que aparenta ter entre 20 a 30 anos, estava a subir uma laje intermédia do posto de abastecimento quando foi electrocutado, sofrendo queimaduras em 90 por cento do corpo. Segundo fonte dos Bombeiros Voluntários da Maceira, a descarga foi tão forte que o telemóvel transportado pela vítima ficou derretido.

O ferido foi estabilizado no local por médicos do INEM e transportado de helicóptero para os Hospitais da Universidade de Coimbra. A produção na cimenteira esteve interrompida várias horas. A GNR está a investigar o acidente.




Francisco Pedro

 

 

 

in Correio da Manhã

 

 

 

A provar-se: Preso até denunciar quem lhe compra o cobre! Este crime está dependente da receptação do cobre. Quem rouba o cobre só o faz porque existe quem o compre e obtenha luros com isso. Cadeia com eles!

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:00
link | comentar | favorito
Sexta-feira, 23 de Abril de 2010

Formigas andam no chamon .....

Quem «fumou» o Haxixe?! A culpa é das formigas

Agentes da polícia acusam os bichos do desaparecimento da cannabis

 

 

Parece que, na Índia, até as formigas gostam de um bom charro. É pelo menos isso que querem fazer crer os agentes da polícia de Goa, que precisam de mais que uma boa desculpa para justificar o desaparecimento de 24 quilos de haxixe da esquadra. De acordo com os polícias, a culpa é das formigas.

 

 

 

De acordo com o portal brasileiro, as autoridades processaram os agentes e estão a investigar se existe algum envolvimento no tráfico de droga. As formigas foram ilibadas, pois o haxixe voltou a circular no mercado negro.

 

O inspector-chefe, Ashish Shirodkar, está a ser acusado de contrabandear em parceria com um traficante asiático, conhecido como Israel Atala. Aguardam-se os resultados das investigações para apurar se, na realidade, se trata de uma conspiração no formigueiro contra a polícia de Goa.

 

in IOL Diário

 

 

 

 

Repitam  lá como se chama o Inspector-chefe? Ashish? Bem me pareceu! Agora culpam as formigas .....

publicado por portuga-coruche às 07:30
link | comentar | favorito

Pardon, mon ami! Qu'est-ce qui se passe? Na pas papier hygiénique?

Polémica estala

Homem limpa rabo a bandeira francesa

 

A imagem está a irritar os franceses e já levou a ministra da Justiça, Michelle Alliot-Marie, a pedir que os responsáveis pela imagem sejam alvo de um processo: um homem surge numa fotografia a limpar o rabo à bandeira de França.

A imagem que está na ordem do dia surgiu num concurso em Nice no passado mês de Março e venceu na categoria de “politicamente incorrecta”. Vários veteranos de guerra, de acordo com o ‘Daily Mail’, pronunciaram-se entretanto contra a obra, que teve de ser retirada da exposição. Mas da fama já não se livra: o Governo já veio dizer que um símbolo de França não pode ser usado com este fim e promete agir.

No entanto, as autoridades de Nice consideram que a imagem não compromete a lei.

 

in Correio da Manhã

 

 

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:25
link | comentar | favorito

Câmara de Coruche compra terreno que dava como adquirido há sete meses

A Câmara de Coruche aprovou a aquisição de um terreno na freguesia da Branca com o objectivo de ajudar na construção da nova igreja e creche, uma operação que já dera como adquirida no Boletim Municipal de Setembro/Outubro de 2009.

Aproximava-se o período eleitoral e a câmara dava conta na página 14 do boletim municipal, reservada a projectos para a freguesia da Branca, com uma fotografia e a legenda: “Este terreno na Branca foi já adquirido pela Câmara de Coruche para construção da igreja e da creche”.

O presidente da autarquia e recandidato na altura, Dionísio Mendes (PS), diz que o terreno estava a ser negociado para ser adquirido com aquele fim, mas os vereadores da CDU aproveitaram o facto para criticar o executivo de maioria PS.

Para Ortelinda Nunes é um facto que o terreno só está a ser comprado agora e não na altura, como escrito no boletim municipal, enquanto o seu colega de coligação, Rodrigo Catarino, lembrou que não se disse toda a verdade sobre o assunto na altura e que “não pode valer tudo em política”.

Os comentários suscitaram discussão política com os vereadores socialistas a lembrarem que a CDU fez o mesmo com uma placa colocada na actual zona industrial do Couço, quando o espaço “era um local de agricultura com dois barracões”, respondeu o edil, Dionísio Mendes.

 

in O Mirante

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:20
link | comentar | favorito

Câmara de Coruche e Cruz Vermelha assinam protocolo para instalação do serviço de teleassistência em dez lares

A Câmara de Coruche e a Cruz Vermelha Portuguesa (CVP) assinaram esta quarta-feira, dia 22, um protocolo que estabelece no concelho o serviço de teleassistência para dez munícipes em situação de carência económica e estado de vulnerabilidade. Num projecto experimental, a autarquia compromete-se a comparticipar as despesas de instalação e o pagamento das mensalidades dos utentes com rendimentos até à pensão social e salário mínimo nacional.

  

Durante a sessão de assinatura do protocolo, a que assistiram autarcas, técnicos e eleitos municipais foi apresentado o dispositivo fixo, que permitirá aos utentes contactarem directamente com o call center da CVP em caso de necessidade. O kito de instalação custa 68 euros, enquanto a mensalidade é de 15 euros.

  

No protocolo fica definido que a Câmara de Coruche comparticipa a 100 por cento a instalação e as mensalidades dos utentes com rendimento igual ou inferior à pensão social (274,79 euros), e em 50 por cento os mesmos encargos relativamente a quem aufira rendimentos entre a pensão social e o salário mínimo para 2010 (475 euros). Com rendimentos acima do salário mínimo, terão de ser os candidatos a suportar todos os custos.

  

Para o presidente da Câmara de Coruche, o serviço prestado pela Cruz Vermelha trará vantagens aos idosos que se encontrem em situação de isolamento, solidão, falta de mobilidade. “É um sinal de qualidade e garantia de bom trabalho que este serviço seja patrocinado pela Cruz Vermelha Portuguesa. Um serviço que pode ser muito relevante para algumas pessoas que vivem sós, e em pequenas coisas e acções do dia-a-dia, como tomar compridos, desligar o gás ou fazer qualquer outra tarefa doméstica”, referia-se o autarca à possibilidade de o serviço poder contratualizar acções de planeamento junto do idoso.

 

 

O director-geral da CVP, Luís Névoa, referiu que é estratégia da instituição de ajudar a manter as pessoas nas suas casas, “onde possam receber cuidados e estar próximos de familiares, evitando que sejam institucionalizadas”. Disse ainda que a par do sistema com contacto telefónico será lançado em breve o sistema de vídeo. Para contornar as dificuldades do serviço em zonas sem linha telefónica, a Cruz Vermelha está também a lançar o sistema de teleassistência, com recurso a cartões de tecnologia GSM, o mesmo utilizado nos telemóveis.

 

 

A CVP tem cerca de mil utentes apoiados no sistema de teleassistência com 25 câmaras municipais. Além de Coruche, desde Dezembro que Salvaterra de Magos presta esse apoio a 20 utentes, enquanto a CVP está em negociações com a Câmara de Almeirim.

 

in O Mirante

publicado por portuga-coruche às 07:17
link | comentar | favorito

Consulta a seis empresas para construção de Centro Escolar de Coruche

Com o objectivo de acelerar o processo de concurso da construção do novo Centro Escolar de Coruche, a autarquia decidiu na última reunião do executivo avançar consultas a seis empresas num processo por ajuste directo: Construções Manuel & Lino, Lda.; Eco Edifica, Ambiente e Construções, S.A; Lena Engenharia e Construções S.A; Aquino, Cipriano Pereira De Carvalho & Filhos, Lda; e Vidal Pereira & Gomes, Lda.

Com esta decisão a câmara revoga deliberação anterior na qual abriu concurso público para a empreitada de construção do centro escolar. Segundo o vice-presidente, Francisco Oliveira (PS), a autarquia opta assim pelo procedimento mais simples e rápido, permitido por legislação que entrou em vigor a 1 de Abril, que autoriza os municípios a darem continuidade aos procedimentos de ajuste directo para construção de equipamentos para o sector da educação. Recorde-se que a primeira consulta efectuada a três empresas, visando o mesmo fim, ficou deserta.

 

 

in O Mirante

publicado por portuga-coruche às 07:15
link | comentar | favorito

Erra inaugura nova estação de tratamento de águas residuais

 A nova Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) da Erra, no concelho de Coruche, vai ser inaugurada no dia 25 de Abril às 12h00 pelos presidentes da Águas do Ribatejo, Câmara de Coruche e da Junta de Freguesia da Erra. O equipamento, de elevado significado para a freguesia, vai servir cerca de 1130 habitantes que não tinham tratamento de esgotos. A empreitada esteve a cargo da empresa Ecofmeq, foi adjudicada a 29 de Setembro de 2009 e custou 133.277,41 euros.

 

in O Mirante

 

Foto de Vila Nova da Erra obtida no site da Junta de Freguesia 

publicado por portuga-coruche às 07:10
link | comentar | favorito

Ana Moura em digressão pelos Estados Unidos

 

 

 A fadista de Coruche Ana Moura iniciou este sábado uma digressão pelos Estados Unidos para apresentação     do novo álbum, “Leva-me aos fados”, editado em Outubro. Acompanham Ana Moura, José Manuel Neto na guitarra portuguesa, José Elmiro à viola e Filipe Larsen na viola baixo.

A fadista afirma que o público norte-americano tem vindo a reconhecer o seu trabalho e que baseando-se estes espectáculos no último CD, terá “necessariamente de revisitar temas dos anteriores a pedido dos espectadores”. “Leva-me aos fados” é o terceiro álbum de originais de Ana Moura, a qual recebeu o Prémio Amália Melhor Fadista em 2008.

O álbum inclui temas de Jorge Fernando, Tozé Brito, Manuela de Freitas, Mário Raínho, José Mário Branco, José Luís Gordo, Nuno Miguel Guedes e Amélia Muge e da própria fadista. É composto por 15 fados, entre eles, o que dá o título ao CD, a ainda “Como uma nuvem no céu”, “Caso arrumado”, “Rumo ao Sul” e “Não é um fado normal”.

Na Califórnia, a fadista tem ainda actuações agendadas em Modesto, na sexta-feira no Gallo Center for the Arts, e no sábado em San Francisco no Palace of Fine Arts em San Francisco, onde encerra a digressão. No dia 30, a intérprete de “Anel de prata” actua já em Portugal, no Teatro Municipal de Faro, pelas 21h30

 

in O Mirante

 

publicado por portuga-coruche às 07:05
link | comentar | favorito

Troféu Yamaha acelerou em Salvaterra de Magos

Quinze dias após a abertura de temporada na carismática pista dos “Dois Buracos”, no Couço, o Troféu Yamaha esteve noutra das suas paragens tradicionais, a ribatejana vila de Salvaterra de Magos

 

 

 

Depois da prova do Couço, a animação do Troféu Yamaha passou por Foros de Salvaterra, numa pista bastante mais curta mas muito espectacular. Com cerca de 1500 metros de perímetro, este traçado, desenhado pelo piloto Paulo Cardoso, acabou por concentrar bastante a acção, um aspecto importante para que o público presente pudesse ter um contacto muito directo com a acção que se desenvolveu na pista.

A chuva foi uma das presenças menos desejadas, que marcou as corridas ao longo de todo o domingo, ameaçando mesmo a realização das últimas duas. Com a ajuda de máquinas e muito trabalho entre mangas, as condições do traçado foram se mantendo praticáveis, numa clara demonstração da excelente qualidade da organização deste Troféu Yamaha.

Ao longo de todo o dia e mesmo com algumas paragens devido à chuva que teimou em acompanhar todos os intervenientes de forma quase constante, as corridas confirmaram o bom nível técnico dos mais rápidos no Couço, revelando igualmente novos vencedores em algumas das classes mais animadas. A reservada às motos de 250cc promete lutas constantes até ao final do troféu, o mesmo se passando com as 700cc e 450cc no que diz respeito às moto 4. Antes de rumar a Coruche, onde se realiza a terceira etapa desta época, o Troféu Yamaha demonstrou mais uma vez a sua popularidade ao atrair algumas dezenas de pilotos ao Ribatejo, acompanhados por um sempre apaixonado público local, que nem com a chuva deixou de marcar presença.

Entre os Infantis/Iniciados, depois de ter conseguido o melhor tempo nos treinos, Bruno Valentim, que também participou na corrida de Moto4, não conseguiu ter a moto a tempo na grelha de partida, pelo que não participou na corrida. A vida ficou facilitada para aos seus companheiro da categoria. Esta corrida foi quase uma cópia da primeira corrida do Couço, com André Sérgio a mostrar um grande empenho na pilotagem da sua PW50 mas sem moto para contrariar as prestações de Guilherme Cardoso, aos comandos de uma mais potente TTR110.Rodrigo Luz, com uma condução muito regular, garantiu um 3º lugar.

A classificação da Classe 250cc Motos não reflectiu o que se passou em pista, pois Pedro Carvalho, vencedor da corrida, foi desclassificado no final por se ter inscrito numa classe para amadores. Assim, embora em pista este piloto tenho feito um excelente trabalho de recuperação ao longo de toda a prova que o colocou no primeiro lugar, a vitória acabou por ser entregue a Pedro Garcia, um piloto que arrancou bem e manteve o primeiro lugar ao longo de grande parte da prova. O segundo posto pertenceu a Telmo Marques e no lugar mais baixo do pódio ficou João Eleutério.

A última corrida de duas rodas do dia juntou três classes, que lutaram em pista para a definição de três pódios diferentes. A partida foi feita faseadamente com os Pilotos Oficiais a saírem na frente. Luis Ferreira conseguiu o “hole shot”, tomando a dianteira da corrida durante as primeiras voltas, esforço que se viria a demonstrar infrutífero perante o ataque de Luís Ferreira. Este piloto tomou a dianteira na terceira volta para nunca mais a deixar impondo um ritmo que nenhum outro piloto acompanhou.

Entre os pilotos da classe 450cc Motos, João Silva teve papel semelhante, saltando para a dianteira para impor um ritmo imparável que o levou mesmo a passar pilotos Oficiais. Atrás dele, Luís Agostinho controlava a sua distância para Sérgio Simões, que terminou a corrida no terceiro posto. Entre os veteranos Eduardo Guerreiro destacou-se, deixando Manuel Tomé e Paulo Santos numa interessante luta até meio da corrida que iria definir o segundo e terceiro lugar respectivamente.

Acção nas Moto4

A primeira corrida da tarde foi a dos mais jovens pilotos de Moto4, uma corrida que desperta sempre bastante interesse pelo empenho que os pequenos lobos colocam na pilotagem das suas máquinas. Nos treinos, Tomás Clemente garantiu o melhor tempo, mas o nervosismo da partida levou a que virasse o seu YFM250R na primeira curva e perdesse muito tempo para os seus dois principais adversários. Quem aproveitou bem foi Henrique Alves, que saiu para a frente e ganhou a corrida sem dificuldade. Clemente ainda se aproximou de Bruno Valentim, com quem lutou durante umas voltas, mas nova queda no final da corrida ditou que ficasse com o último lugar do pódio.

A classe de Utilitários manteve o mesmo figurino da primeira prova, com apenas dois pilotos em pista. Jorge Neves e Joaquim Escoval voltaram a debater-se em pista, com resultados iguais aos da primeira corrida. Contudo, desta feita, Joaquim Escoval mostrou-se em melhor forma, tendo dado luta ao longo de quase toda a corrida. Jorge Neves teve o cuidado de garantir o primeiro lugar desde o início da corrida, tendo apenas gerido a posição.

Com a entrada em pista das classes Moto4 250cc, 350cc, 700cc, começaram as corridas reservadas aos mais rápidos. Nas 250cc, foi Guilherme Santos quem assumiu de imediato a primeira posição e nunca mais ninguém viu o rápido piloto. Leonel Gomes foi segundo classificado com o seu Blaster na fase inicial, mas um erro permitiu a ascensão de João Santos ao segundo posto, em que veio a terminar, com Leonel a ter que se contentar com as terceira posição final.

 

Entre os 700cc, a animação foi completa, com Maximino Santos e João Pinheiro a discutirem o primeiro posto até ao final da corrida, com “Super Max” a conseguir suster os ataque do adversário e garantir a primeira vitória do ano numa ronda em que o vencedor da prova anterior, Pedro Serra, acabou rebocado com problemas mecânicos no seu 700. João Cruz foi o terceiro classificado.

Nos 350cc, foi Adilson Teixeira quem repetiu a vitória da primeira prova, mas desta vez com mais companhia em pista na sua classe, mercê das presenças de mais três adversários. Foi João Paiva, que se dividiu entre motos e moto 4, quem terminou na segunda posição e Luís Neves a levar a terceira posição. Com uma grelha bem preenchida, os pilotos da classe 450 Moto4 tiveram a pista só para si. Contudo esta corrida não teve grande história no que aos primeiros lugares diz respeito, já que Paulo Bernardes partiu para a frente com um ritmo endiabrado, seguido de Pedro Loureiro. Estes dois pilotos cavaram um fosso para os restantes gerindo entre eles a distância necessária para garantir a primeira e segunda posição. As lutas mais interessantes decorreram nos lugares mais atrás.

A última corrida do dia juntou as classes de pilotos Veteranos e Oficiais de Motor. Entre os oficiais, Ricardo Carvalho voltou a não dar qualquer hipótese aos seus adversários, mesmo depois de no dia anterior ter participado numa prova de resistência, o piloto arrancou na frente, ganhou distância que geriu até à vitória. Entre os Veteranos, Francisco Quirino serviu-se da mesma receita da primeira corrida e dominou toda a corrida, seguido novamente por Marco Pedroso. António Parreira estreou-se este ano no pódio, com o terceiro lugar.

 

in Lusomotores

publicado por portuga-coruche às 07:00
link | comentar | favorito

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Corte no abastecimento de...

. Novo estudo sobre toxidad...

. De olhos bem abertos

. GNR apanha ladrões de bom...

. 85% da divida foi gerada ...

. Continuamos à Espera

. Orientação Pedestre - Cam...

. Dakar Desert Challenge ap...

. Coruche acolhe caravana d...

. DIA EUROPEU DO ENOTURISMO...

.últ. comentários

Sr José Sá, já confirmou a sua tese? Obrigado
Eu uso os produtos da HerbaLife há anos e são fant...
Tudo é muito aberta e muito clara explicação de qu...
Ė e nāo e pouco....
Subscrevo, já cá temos miséria que nos baste, e ge...
Por ser nutricionista e' que fala assim...
http://www.publico.pt/economia/noticia/herbalife-i...
essa empresa foi vendida a eden , que pelo visto a...
Estou para comprar um carro usado num stand de Sal...
VAI SE FERRAR. .INGERI OS COMPRIMIDOS DE MULTIVITA...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. abel matos santos

. acidente

. água

. águas do ribatejo

. almeirim

. apanhados

. aquecimento global

. assalto

. autarquia

. benavente

. biscainho

. blogosfera

. bombeiros

. burla

. câmara municipal de coruche

. carina

. cdu

. china

. ciência

. cigana

. ciganos

. clima

. climategate

. cobre

. comboio

. copenhaga

. cortiça

. coruche

. couço

. cp

. crianças

. crime

. criminalidade

. crise

. dai

. david megre

. desaparecida

. desaparecidos

. desemprego

. desporto

. dionísio mendes

. dívida

. douro

. droga

. economia

. edp

. educação

. emigração

. emprego

. energia

. ensino

. escola

. espanha

. etnia

. fajarda

. faleceu

. fascismo

. festas

. finanças

. fmi

. fome

. gnr

. humor

. imperialismo

. impostos

. insólito

. internet

. ipcc

. justiça

. ladrões

. lamarosa

. meteorologia

. mic

. miccoruche

. morte

. música

. phil jones

. pobreza

. política

. pontes

. procura-se

. racismo

. roubo

. santarém

. saúde

. segurança

. sociedade

. sub

. tempo

. ticmais

. toiros

. tourada

. touros

. trabalho

. tráfico

. tribunais

. video

. videos

. violência

. xenofobia

. todas as tags

.links

.Enviem Notícias e Comentários

CONTACTO

greenbit@sapo.pt

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds