Sexta-feira, 7 de Setembro de 2012

Criada conta para ajudar Nuno Carvalho

 
 Nuno Carvalho tem 26 anos

O Grupo de Forcados Amadores do Aposento da Moita continua a multiplicar-se em esforços para ajudar Nuno Carvalho, 26 anos, que deve ficar paralisado na sequência das lesões sofridas na pega de há uma semana, durante a Corrida TV do Campo Pequeno. Desta vez, criou-se uma conta no BPI (NIB: 0010 00004861967000 104), que "está aberta de forma a que qualquer cidadão possa contribuir com o seu donativo".

 

Em comunicado, o grupo refere que a conta não está filiada a nenhuma associação, mas que este é um objectivo: "Esperamos com a maior brevidade poder constituir essa mesma associação de forma a que este projecto de recuperação ganhe formas credíveis e mais eficazes".
Internado nos Cuidados Intensivos do Hospital Santa Maria, Nuno Carvalho apresenta-se estável. Porém, o relatório médico definitivo ainda não foi revelado.

 

Por:R.P.V.

in Correio da Manhã

 

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 3 de Setembro de 2012

Seguros para forcados só vão até 25 mil euros

Tauromaquia: Mortes e ferimentos graves nas arenas

Seguros para forcados só vão até 25 mil euros

 
 O forcado de 26 anosno início daquela que foi a sua última corrida

Os forcados que morram ou fiquem inválidos no decorrer de um espectáculo tauromáquico têm como única protecção os seguros de acidentes pessoais feitos pelos respectivos grupos. No entanto, como disse ao CM o presidente da Associação Nacional de Grupos de Forcados, José Fernando Potier, o capital máximo é de 25 mil euros, que têm de cobrir as despesas de internamento hospitalar e reabilitação.

 

É este o sombrio horizonte de Nuno Carvalho, forcado do Aposento da Moita que vai ficar paralisado devido à compressão de duas vértebras, com esmagamento da medula, após ser projectado para a arena na pega do quinto touro da Corrida TV, realizada nesta quinta-feira no Campo Pequeno.

 

No entanto, José Potier, que trabalha precisamente no sector dos seguros, admite que a maioria das empresas "não estão muito abertas" a esta cobertura, pois enfrentar touros que pesam mais de meia tonelada acarreta demasiados riscos. "Os outros, que evitam o embate, só se aleijam por azar. Os forcados só não se aleijam por sorte", conclui.

 

Além de diversos forcados que ficaram deficientes, Francisco Matias, dos Amadores de Portalegre, morreu em 2009, ao ser colhido durante um treino. Pedro Belacorça, do mesmo grupo, morrera de septicemia, após uma bandarilha espetada num touro se ter cravado no seu peito durante a corrida comemorativa da Expo'98 no Campo Pequeno.

 

António Gouveia, dos Amadores do Montijo, foi colhido em 1993 em Angra do Heroísmo e acabou por morrer, vítima de traumatismo craniano, fractura de coluna e lesões internas, juntando-se a uma triste lista encabeçada por João Raiva, em 1953, depois de ser atingido por uma bandarilha no Campo Pequeno.

 

 

Por:Leonardo Ralha

in Correio da Manhã

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sábado, 1 de Setembro de 2012

Infelizmente, o forcado Nuno Carvalho não vai conseguir recuperar...

 

 

 

 

A sequência da colhida, quinta-feira, no Campo Pequeno

 

Nuno Carvalho, 26 anos, infelizmente não vai conseguir recuperar, afirmam os médicos que o operaram esta sexta-feira, em Lisboa, no Hospital de Santa Maria.
Infelizmente fica paralítico o valente forcado que iniciou funções no Aposento da Moita em 2005.
Estas são as tais notícias que não gostamos de dar. Estas são as tais notícias que nos deixam a todos tristes e sem palavras.
Os médicos tudo fizeram para o recuperar, mas as lesões vertebrais, segundo os mesmos são "irreversíveis".
A noite de quinta-feira no Campo Pequeno fica assim marcada por este triste episódio.
Um abraço ao grupo do Aposento da Moita e muito em especial ao Nuno (ao grande Mata), muita força!
Fotos:D.R.

 

 

in Blog "Diário Taurino"

 

Vamos rezar, independentemente do que dizem os médicos, Deus queira que estejam enganados e que o Nuno recupere! Fica aqui um desejo forte de coragem e de força para toda a familia, forcados e aficionados.

publicado por portuga-coruche às 14:15
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 13 de Agosto de 2012

Trajes de tourear em exposição em Coruche

 

"Linhas Toureiras - A arte de Manuel & Margarida Marques" é o tema de uma interessante exposição que pode visitar a partir de 15 de Agosto no Museu Municipal de Coruche.
Iniciativa do Núcleo Tauromáquico do Museu, com o apoio da Câmara Municipal, esta mostra de trajes de toureiros da autoria dos alfaiates locais Manuel e Margarida Marques ficará patente ao público até ao próximo dia 7 de Outubro.
A não perder.

 

 

Foto D.R.

in Blog "Farpas"

publicado por portuga-coruche às 07:07
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 6 de Março de 2012

No Campo Pequeno vai acontecer a Festa do Forcado

 

Com a tradição, valentia e garra, apanágio de qualquer forcado, terá lugar a 16 e 17 de Março na Praça do Campo Pequeno em Lisboa a “V Grande Festa do Forcado”.

A Festa do Forcado desde o início que tem como objectivo criar momentos que permitam homenagear as virtudes que acompanham os forcados: a sua camaradagem e a sua extraordinária humildade que nos fazem ter por esta figura emblemática da Festa, um carinho e um respeito muito grandes.

Assim a partir das 22:00 do dia 16, teremos o espectáculo “Forcado Coragem Lusitana”, a história das origens do forcado, com o desfile de forcados veteranos seguindo-se um espectáculo de variedades taurinas.

Perante quatro novilhos de outras tantas ganadarias portuguesas, actuarão os cavaleiros Maria Mira, Manuel Vacas de Carvalho, Jacobo Botero (Colombiano) e Cláudia Almeida, estando as pegas a cargo de um grupo de forcados constituído pelos cabos dos grupos participantes no Concurso de Cernelhas, capitaneados por Diogo Sepúlveda.
E a festa continuará madrugada fora na discoteca Musicais, no Jardim do Tabaco.

No sábado, a partir das 15:00 realiza-se o “V Torneio de Pegas de Cernelha”, com a participação dos 38 grupos de forcados filiados na ANGF.
A avaliação do desempenho está a cargo de um juri constituído pelos antigos forcados Manuel Gama, João José Comenda, António José Casaca, Pedro Barradas e José Ribeiro da Cunha.

Em disputa estarão os prémios “António José Teixeira” para a melhor parelha de cernelheiros e, para o grupo vencedor, a inclusão na corrida de 3 de Maio, no Campo Pequeno (Corrida Vidas/Correio da Manhã).

As sortes antigas (Sorte de Gaiola, Casa da Guarda, Pega de Costas, Pega na Cadeira e “D. Tancredo”) serão revividas pelos grupos de forcados amadores de Montemor, Aposento do Barrete Verde e Coruche.

Exibir-se-ão também os grupos de forcados Veteranos e Do Futuro.
Pelas 23:00 e para terminar a Festa realiza-se na arena a “Pega da Noite”, com música ao vivo pelos “Los Três Sangres”, numa Festa que se prolongará noite dentro.

 

in Jornal Harmúsica

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:07
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 19 de Agosto de 2011

Farias isto por um companheiro?

 

 

 

publicado por portuga-coruche às 08:19
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 27 de Julho de 2011

Cartéis completos para Coruche

Também hoje foi dado a conhecer os cartéis que fazem parte da festa Taurina de Coruche integrada nas Festas em Honra de Nossa Senhora do Castelo.

Assim no dia 12 de Agosto haverá pelas 22h30 Noite de Exaltação ao Forcado Coruchense.
Cartel composto por Paulo D'Azambuja e Verónica Cabaço.
Pega o Grupo de Forcados Amadores de Coruche 2 novilhos de S. Marcos.

No Final Exibição do Grupo de Forcados Amadores de Coruche, onde recrearão várias sortes antigas como a Casa da Guarda, Sorte Gaiola, Pega de Costas, Pega na Cadeira, Pega de Caras e Pega de cernelha.



Dia 13 de Agosto pelas 22h30, Corrida do Campino do Vale Sorraia. O Campino em Festa com jogos tradicionais, condução de Cabrestos, Fado e Fandango.
perante 4 toiros de SObral actuam a cavalo Telles bastos e Tomás Pinto e a pé Luis Procuna e Javier Cortes. Pega o Grupo de Forcados de Coruche.

No dia 17 de Agosto pelas 18 horas, perante 6 imponenetes toiros de Santiago Domecq, actuam João Salgueiro, Pablo Hermoso de Mendonza e João Telles Jr.
Pega em solitário o Grupo de Forcados Amadores de Coruche.

 

in Solesombra

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:22
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 14 de Janeiro de 2011

Morreu o forcado que pegava os touros de costas

José Luís Coragem faleceu no primeiro dia de 2011


 
foto

Natural de Alhandra e tendo Coruche como terra adoptiva, tinha 83 anos e um apelido que lhe assentava na perfeição.

 

O forcado que pegava touros de caras, de costas e sentado numa cadeira faleceu no primeiro dia de 2011, com 83 anos. Coragem era o apelido de José Luís, mas também sinónimo da forma como o antigo forcado se exibia nas arenas. José Luís Coragem faleceu no dia de ano novo e o seu funeral realizou-se no domingo, dia 2. Foi um dos mais reconhecidos forcados de sempre.

Nasceu a 27 de Fevereiro de 1927. Era natural de Alhandra, concelho de Vila Franca de Xira, e cedo foi viver para Coruche, que adoptou como sua terra. Foi a pegar de costas e sentado numa cadeira que José Luís Coragem acrescentou fama à que já tinha na arte de pegar de caras.

Foi por isso natural que cativasse muitos aficionados para o seu estilo e alguns ainda recordam episódios marcantes. Manuel Coelho, Aristides Albuquerque, Alfredo Melro e Manuel Carrapo são companheiros de conversa na cafetaria do Museu Municipal de Coruche. Da geração de Coragem, um em particular lembra-se dos seus feitos.

“Foi o maior forcado de sempre. Lembro-me de uma corrida que vi no Campo Pequeno, há mais de 50 anos, em que o Coragem foi colhido pelo touro e partiu uma perna ao cair no chão. Mesmo assim levantou-se e conseguiu pegá-lo de caras com mais um ajuda. A praça levantou-se com grande fervor e ele saiu de imediato para o hospital”, conta o aficionado com o mesmo entusiasmo de então.

Manuel Carrapo recorda ainda mais duas histórias. Uma em Vila Franca de Xira na qual José Luís Coragem pegou à saída dos curros da praça um touro que tinha fugido para o interior, levando a multidão ao rubro e a levá-lo em ombros pela arena. E outra pega, na antiga praça de Coruche, na margem esquerda do Sorraia, a um touro que, momentos antes, o tinha deixado estendido no chão.

Após a carreira de forcado que concluiu com 46 anos – e era apenas disso que vivia – José Luís Coragem e a mulher tiveram uma barraca com que percorriam feiras a vender frangos, sandes e outras comidas e bebidas, de que se lembram bem os convivas do museu. “Mais tarde foram também proprietários de uma loja de bijutaria no centro comercial Horta da Nora, na vila”, acrescentam.

Em Agosto de 2006 a Câmara de Coruche homenageou figuras da festa brava ligadas à vila, com um memorial evocativo junto à praça de touros. Entre esses nomes está o de José Luís Coragem.

Ex-cabo dos Forcados Amadores de Coruche, o actual presidente da autarquia, Dionísio Mendes, recorda-se de ver actuar o forcado. “Vi-o aqui na praça de Coruche algumas vezes. Foi profissional durante muitos anos e tinha a novidade de pegar touros de costas e sentado numa cadeira”, recorda o autarca, considerando-o uma figura marcante.

Em Agosto de 2010, durante a inauguração do Núcleo Tauromáquico de Coruche, no antigo edifício dos CTT, José Luís Coragem já se apresentava debilitado. Sofria de asma e estava doente. A mulher, Rosa, faleceu há mais tempo. O antigo forcado tem uma filha e um neto que ia visitar com alguma frequência a Inglaterra.

 

Forcado profissional em família com tradição

José Luís Coragem foi forcado profissional no grupo de Lisboa. Ocasionalmente liderou uma formação de Coruche. Passou ainda pelos grupos da Moita, de João Soeiro, do Vale de Santarém, de Edmundo de Oliveira, de Vila Franca de Xira e de Riachos. Aos 46 anos despediu-se das arenas, em 22 Abril de 1973, na praça de Coruche. Era neto e sobrinho dos famosos forcados do início do século XX, Luís e Germano Vintém, de quem herdou o gosto pela forcadagem.

 

Contemporâneo dos irmãos Badajoz

Os irmãos Manuel e António Badajoz, de Coruche, notabilizaram-se como bandarilheiros e foram contemporâneos de José Luís Coragem. Para Manuel Badajoz, o forcado marcou uma época. “Ele pegava de caras com grande brilhantismo. Vi-o fazer grandes pegas e com aquela inovação nunca vista na forcadagem que era pegar de costas, mais do que pegar de cadeira. Acompanhei muito a vida artística dele e ele ajudou a rapaziada nova de Coruche, os forcados mais novos. Foi um contributo notável para a festa”, refere Manuel Badajoz.

 

in O Mirante

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 11 de Janeiro de 2011

Morreu o forcado que pegava os touros de costas


 

O forcado que pegava touros de caras, de costas e sentado numa cadeira faleceu no primeiro dia de 2011, com 83 anos. Coragem era o apelido de José Luís, mas também sinónimo da forma como o antigo forcado se exibia nas arenas. José Luís Coragem faleceu no dia de ano novo e o seu funeral realizou-se no domingo, dia 2. Foi um dos mais reconhecidos forcados de sempre.

 

 

Nasceu a 27 de Fevereiro de 1927. Era natural de Alhandra, concelho de Vila Franca de Xira, e cedo foi viver para Coruche, que adoptou como sua terra. Foi a pegar de costas e sentado numa cadeira que José Luís Coragem acrescentou fama à que já tinha na arte de pegar de caras.

 

 

José Luís Coragem foi forcado profissional no grupo de Lisboa. Ocasionalmente liderou uma formação de Coruche. Passou ainda pelos grupos da Moita, de João Soeiro, do Vale de Santarém, de Edmundo de Oliveira, de Vila Franca de Xira e de Riachos. Aos 46 anos despediu-se das arenas, em 22 Abril de 1973, na praça de Coruche. Era neto e sobrinho dos famosos forcados do início do século XX, Luís e Germano Vintém, de quem herdou o gosto pela forcadagem.

 

 

Em Agosto de 2006 a Câmara de Coruche homenageou figuras da festa brava ligadas à vila, com um memorial evocativo junto à praça de touros. Entre esses nomes está o de José Luís Coragem. Em Agosto de 2010, durante a inauguração do Núcleo Tauromáquico de Coruche, no antigo edifício dos CTT, José Luís Coragem já se apresentava debilitado.

 

 

in O Mirante

  

 

 

           
 Em 1950, em Caracas Venezuela, teria enviado esta fotografia ao critico tauromáquico, Pepe Luís.  José Luis Coragem e João Franco (Apresentação do livro "Forcados - Os Últimos Românticos da Festa")

 

 

 

 
José Luís da Silva "Coragem" foi cabo do Grupo de Forcados de Riachos cerca do ano de 1954 até cerca do ano de 1962.

 

Pega de Costas de Jose Luis Coragem (Foto L  Figueiredo)

 

Fontes das totos e comentários:

http://solytoirosdoribatejo.blogspot.com/
http://www.equitacao.com/noticia.php?n=7461&
http://amaral-forcadosderiachos.blogspot.com/2011/01/jose-luis-coragem.html
http://www.tauromania.pt/noticias_detail_gallery.php?typ=reportagens&aID=4152

 

 

  

publicado por portuga-coruche às 07:59
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 8 de Outubro de 2010

Ana Batista diz que empresários só se preocupam com os toiros

 

 

A cavaleira Ana Batista acusa os empresários das praças de toiros de estarem mais preocupados com o peso e tamanho dos toiros e com a porrada que estes dão nos artistas da festa, em vez de se preocuparem com toureiros e forcados. A toureira de Salvaterra de Magos criticou ainda os empresários de comprarem curros a ganadarias espanholas por serem mais baratos.

“Houve várias corridas este ano com toiros espanhóis que correram mal, uma delas aqui em Salvaterra. Dizem que não existem toiros portugueses, mas eles estão no campo à espera de serem lidados. Os toiros portugueses são melhores, têm mais raça, mas os empresários vão buscar os espanhóis porque, apesar de serem mais obesos o que dificulta a lide dos cavaleiros e a prestação dos forcados, são mais baratos. É só isso que interessa aos empresários”, afirma.

Ana Batista participava na tertúlia realizada na Cabana dos Parodiantes, na sua terra natal, na noite desta quinta-feira, 7 de Outubro, onde foi a convidada principal. Ana Batista revelou que já assinou a petição a favor da festa brava lançada por Francisco Moita Flores e elogia o trabalho do autarca na defesa da tauromaquia. “O escritor Moita Flores tem ajudado bastante a festa brava e está agora a organizar três dias de corridas em Santarém que vai ajudar a promover a festa dos toiros. Com a ajuda dele vamos conseguir chegar longe”, disse.

A cavaleira que teve um acidente na corrida do último fim-de-semana na praça do Redondo, Alentejo, magoou um pé e teve que aparecer no debate de muletas. Ana Batista começou a montar a cavalo aos dez anos tendo tirado a alternativa no ano 2000, em Coruche, onde Joaquim Bastinhas e Conchita Cintron foram seus padrinhos de alternativa.

Ana Batista confessa que quando terminar a carreira de cavaleira quer ficar ligada à sua grande paixão, os cavalos. “Eles fazem parte da minha família, são os meus filhos e não quero abdicar deles”, revela.

 

Notícia completa na próxima edição semanal de O MIRANTE que sai à quinta-feira

 

in O Mirante

 

 

publicado por portuga-coruche às 08:00
link do post | comentar | favorito

.Citações Diárias

.Visitantes On-line

.Total de Visitas


Consultar Estatisticas

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Criada conta para ajudar ...

. Seguros para forcados só ...

. Infelizmente, o forcado N...

. Trajes de tourear em expo...

. No Campo Pequeno vai acon...

. Farias isto por um compan...

. Cartéis completos para Co...

. Morreu o forcado que pega...

. Morreu o forcado que pega...

. Ana Batista diz que empre...

.últ. comentários

Sr José Sá, já confirmou a sua tese? Obrigado
Eu uso os produtos da HerbaLife há anos e são fant...
Tudo é muito aberta e muito clara explicação de qu...
Ė e nāo e pouco....
Subscrevo, já cá temos miséria que nos baste, e ge...
Por ser nutricionista e' que fala assim...
http://www.publico.pt/economia/noticia/herbalife-i...
essa empresa foi vendida a eden , que pelo visto a...
Estou para comprar um carro usado num stand de Sal...
VAI SE FERRAR. .INGERI OS COMPRIMIDOS DE MULTIVITA...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. abel matos santos

. acidente

. água

. águas do ribatejo

. almeirim

. apanhados

. aquecimento global

. assalto

. autarquia

. benavente

. biscainho

. blogosfera

. bombeiros

. burla

. câmara municipal de coruche

. carina

. cdu

. china

. ciência

. cigana

. ciganos

. clima

. climategate

. cobre

. comboio

. copenhaga

. cortiça

. coruche

. couço

. cp

. crianças

. crime

. criminalidade

. crise

. dai

. david megre

. desaparecida

. desaparecidos

. desemprego

. desporto

. dionísio mendes

. dívida

. douro

. droga

. economia

. edp

. educação

. emigração

. emprego

. energia

. ensino

. escola

. espanha

. etnia

. fajarda

. faleceu

. fascismo

. festas

. finanças

. fmi

. fome

. gnr

. humor

. imperialismo

. impostos

. insólito

. internet

. ipcc

. justiça

. ladrões

. lamarosa

. meteorologia

. mic

. miccoruche

. morte

. música

. phil jones

. pobreza

. política

. pontes

. procura-se

. racismo

. roubo

. santarém

. saúde

. segurança

. sociedade

. sub

. tempo

. ticmais

. toiros

. tourada

. touros

. trabalho

. tráfico

. tribunais

. video

. videos

. violência

. xenofobia

. todas as tags

.links

.Enviem Notícias e Comentários

CONTACTO

greenbit@sapo.pt

.pesquisar

 

.Outro Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds