Quarta-feira, 24 de Outubro de 2012

O maior escândalo financeiro da história de Portugal!

Foi a maior burla de sempre em Portugal, qualquer coisa como 9.710.539.940,09 €uros!!!

(paga por todos nós, contribuintes, que não podemos reclamar e sem que nenhum dos conhecidos criminosos tenha sido responsabilizado…)

 

João Marcelino, diretor do Diário de Notícias, de Lisboa, considera que “é o maior escândalo financeiro da história de Portugal. Nunca antes houve um roubo desta dimensão, “tapado” por uma nacionalização que já custou 2.400 milhões de euros delapidados algures entre gestores de fortunas privadas em Gibraltar, empresas do Brasil, offshores de Porto Rico, um oportuno banco de Cabo Verde e a voracidade de uma parte da classe política portuguesa que se aproveitou desta vergonha criada por figuras importantes daquilo que foi o cavaquismo na sua fase executiva”.

O diretor do DN conclui afirmando que este escândalo “é o exemplo máximo da promiscuidade dos decisores políticos e económicos portugueses nos últimos 20 anos e o emblema maior deste terceiro auxílio financeiro internacional em 35 anos de democracia. Justifica plenamente a pergunta que muitos portugueses fazem: se isto é assim à vista de todos, o que não irá por aí?”

 

O BPN foi criado em 1993 com a fusão das sociedades financeiras Soserfin e Norcrédito e era pertença da Sociedade Lusa de Negócios (SLN), que compreendia um universo de empresas transparentes e respeitando todos os requisitos legais, e mais de 90 nebulosas sociedades offshores sediadas em distantes paraísos fiscais como o BPN Cayman, que possibilitava fuga aos impostos e negociatas.

 

O BPN tornou-se conhecido como banco do PSD, proporcionando “colocações” para ex-ministros e secretários de Estado sociais-democratas. O homem forte do banco era José de Oliveira e Costa, que Cavaco Silva foi buscar em 1985 ao Banco de Portugal para ser secretário de Estado dos Assuntos Fiscais e assumiu a presidência do BPN em 1998, depois de uma passagem pelo Banco Europeu de Investimentos e pelo Finibanco. O braço direito de Oliveira e Costa era Manuel Dias Loureiro, ministro dos Assuntos Parlamentares e Administração Interna nos dois últimos governos de Cavaco Silva e que deve ser mesmo bom (até para fazer falcatruas é preciso talento!), entrou na política em 1992 com quarenta contos e agora tem mais de 400 milhões de euros. Vêm depois os nomes de Daniel Sanches, outro ex-ministro da Administração Interna (no tempo de Santana Lopes) e que foi para o BPN pela mão de Dias Loureiro; de Rui Machete, presidente do Congresso do PSD e dos ex-ministros Amílcar Theias e Arlindo Carvalho.

 

Apesar desta constelação de bem pagos gestores, o BPN faliu. Em 2008, quando as coisas já cheiravam a esturro, Oliveira e Costa deixou a presidência alegando motivos de saúde, foi substituido por Miguel Cadilhe, ministro das Finanças do XI Governo de Cavaco Silva e que denunciou os crimes financeiros cometidos pelas gestões anteriores. O resto da história é mais ou menos conhecido e terminou com o colapso do BPN, sua posterior nacionalização e descoberta de um prejuízo de 1,8 mil milhões de euros, que os contribuintes tiveram que suportar. Que aconteceu ao dinheiro do BPN? Foi aplicado em bons e em maus negócios, multiplicou-se em muitas operações “suspeitas” que geraram lucros e que Oliveira e Costa dividiu generosamente pelos seus homens de confiança em prémios, ordenados, comissões e empréstimos bancários.

 

Não seria o primeiro nem o último banco a falir, mas o governo de Sócrates decidiu intervir e o BPN passou a fazer parte da Caixa Geral de Depósitos, um banco estatal liderado por Faria de Oliveira, outro ex-ministro de Cavaco e membro da comissão de honra da sua recandidatura presidencial, lado a lado com Norberto Rosa, ex-secretário de estado de Cavaco e também hoje na CGD. Outro social-democrata com ligações ao banco é Duarte Lima, ex-líder parlamentar do PSD, que se mantém em prisão preventiva por envolvimento fraudulento com o BPN e também está acusado pela polícia brasileira do assassinato de Rosalina Ribeiro, companheira e uma das herdeiras do milionário Tomé Feteira. Em 2001 comprou a EMKA, uma das offshores do banco por três milhões de euros, tornando-se também accionista do BPN.

 

Em 31 de julho, o ministério das Finanças anunciou a venda do BPN, por 40 milhões de euros, ao BIC, banco angolano de Isabel dos Santos, filha do presidente José Eduardo dos Santos, e de Américo Amorim, que tinha sido o primeiro grande accionista do BPN. O BIC é dirigido por Mira Amaral, que foi ministro nos três governos liderados por Cavaco Silva e é o mais famoso pensionista de Portugal devido à reforma de 18.156 euros por mês que recebe desde 2004, aos 56 anos, apenas por 18 meses como administrador da CGD. O Estado português queria inicialmente 180 milhões de euros pelo BPN, mas o BIC acaba por pagar 40 milhões (menos que a cláusula de rescisão de qualquer craque da bola) e os contribuintes portugueses vão meter ainda mais 550 milhões de euros no banco, além dos 2,4 mil milhões que já lá foram enterrados. O governo suportará também os encargos dos despedimentos de mais de metade dos actuais 1.580 trabalhadores (20 milhões de euros).

 

As relações de Cavaco Silva com antigos dirigentes do BPN foram muito criticadas pelos seus oponentes durante a última campanha das eleições presidenciais. Cavaco Silva defendeu-se dizendo que apenas tinha sido primeiro-ministro de um governo de que faziam parte alguns dos envolvidos neste escândalo. Mas os responsáveis pela maior fraude de sempre em Portugal não foram apenas colaboradores políticos do presidente, tiveram também negócios com ele. Cavaco Silva também beneficiou da especulativa e usurária burla que levou o BPN à falência. Em 2001, ele e a filha compraram (a 1 euro por acção, preço feito por Oliveira e Costa) 255.018 acções da SLN, o grupo detentor do BPN e, em 2003, venderam as acções com um lucro de 140%, mais de 350 mil euros. Por outro lado, Cavaco Silva possui uma casa de férias na Aldeia da Coelha, Albufeira, onde é vizinho de Oliveira e Costa e alguns dos administradores que afundaram o BPN. O valor patrimonial da vivenda é de apenas 199. 469,69 euros e resultou de uma permuta efectuada em 1999 com uma empresa de construção civil de Fernando Fantasia, accionista do BPN e também seu vizinho no aldeamento.

 

Para alguns portugueses são muitas coincidências e alguns mais divertidos consideram que Oliveira e Costa deve ser mesmo bom economista(!!!): Num ano fez as acções de Cavaco e da filha quase triplicarem de valor e, como tal, poderá ser o ministro das Finanças (!!??) certo para salvar Portugal na actual crise económica. Quem sabe, talvez Oliveira e Costa ainda venha a ser condecorado em vez de ir parar à prisão….ah,ah,ah.

 

O julgamento do caso BPN já começou, mas os jornais pouco têm falado nisso. Há 15 arguidos, acusados dos crimes de burla qualificada, falsificação de documentos e fraude fiscal, mas nem sequer se sentam no banco dos réus. Os acusados pediram dispensa de estarem presentes em tribunal e o Ministério Público deferiu os pedidos. Se tivessem roubado 900 euros, o mais certo era estarem atrás das grades, deram descaminho a nove biliões e é um problema político.

 

Nos EUA, Bernard Madoff, autor de uma fraude de 65 biliões de dólares, já está a cumprir 150 anos de prisão, mas os 15 responsáveis pela falência do BPN estão a ser julgados por juízes “condescendentes”, vão apanhar talvez pena suspensa e ficam com o produto do roubo, já que puseram todos os bens em nome dos filhos e netos ou pertencentes a empresas sediadas em paraísos fiscais. Oliveira e Costa colocou as suas propriedades e contas bancárias em nome da mulher, de quem entretanto se divorciou após 42 anos de casamento. Se estivéssemos nos EUA, provavelmente a senhora teria de devolver o dinheiro que o marido ganhou em operações ilegais, mas no Portugal dos brandos costumes talvez isso não aconteça. Dias Loureiro também não tem bens em seu nome. Tem uma fortuna de 400 milhões de euros e o valor máximo das suas contas bancárias são apenas cinco mil euros. Não há dúvida que os protagonistas da fraude do BPN foram meticulosos, preveniram eventuais consequências e seguiram a regra de Brecht: “Melhor do que roubar um banco é fundar um”.

 

in Blog Ironia de Estado

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 19 de Abril de 2012

Coisas a que ninguém espera assistir

Ninguém espera que um Afro-Americano adira ao Ku Klux Klan!

 

 

 

Ninguém espera que um Judeu, que saiba que é judeu adira a ideais nazis!

 

 

 

 

 

Também, ninguém espera que o presidente honorário da filial espanhola do Fundo Mundial para a Natureza (WWF) adira a uma caçada de um animal em vias de extinção.

 

 

 

Actualmente todas as espécies de elefantes são considerados como espécies em perigo de extinção, segundo a UICN - União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais.  (In Wikipedia)

 

 

Não basta o Homem explorar, subjugar e destruir aquilo que é doutros Homens, o Homem explorar todos os recursos do planeta que deveriam ser partilhados com todas as criaturas vivas, ainda as caçamos e matamos até à extinção?! Os poderosos e ricos tem bastantes coisas para fazer quando entediados e em lazer, porque tem de destruir aquilo que a natureza levou milhões de anos a criar? 

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Terça-feira, 17 de Maio de 2011

Mãe que injectava botox à filha perde custódia

Polémica nos Estados Unidos

 

 
Kerry Campbell, uma esteticista em part-time de 34 anos, de São Francisco, afirmou, em entrevista à ABC News, que além injectar botox no rosto da filha, Britney, "para eliminar as rugas", ainda sujeitava a criança a depilação integral

A mãe norte-americana que na semana passada admitiu aplicar botox no rosto da filha, de apenas oito anos, para ela participar em concursos de beleza infantil perdeu a custódia da criança.

 

Kerry Campbell, uma esteticista em part-time de 34 anos, de São Francisco, afirmou, em entrevista à ABC News, que além injectar botox no rosto da filha, Britney, "para eliminar as rugas", ainda sujeitava a criança a depilação integral.

“Sei que, um dia, Britney vai ser modelo, actriz ou cantora e estes tratamentos vão ajudá-la a permanecer jovem por mais tempo”, alegou Kerr, acrescentando que nos bastidores dos concursos é frequentemente abordada por outras mães interessadas na prática.

“Toda a gente faz o mesmo e fala sobre isso. Nada do que fazemos é ilegal e não quero que a minha filha seja a única que não tem ajuda extra”, concluiu, lamentando não ter tido as mesmas oportunidades quando tinha a idade da filha.

A pequena Britney, candidata recorrente a concursos de beleza infantil, muito comuns nos Estados Unidos, comentou no mesmo programa que as injecções de botox eram dolorosas, mas também disse não querer nem uma ruga no rosto.

Após a exibição do programa, a linha de denúncia de abusos contra crianças foi inundada por telefonemas a denunciar o caso, tendo os serviços sociais decidido esta semana retirar temporariamente a custódia da criança à mãe.

Enquanto as organizações de concursos ide beleza infantil se apressaram a negar ter conhecimento da utilização de tratamentos desta natureza, dermatologistas e psiquiatras são unânimes em considerar a prática perigosa e não só do ponto de vista físico.

“O objectivo dos pais é amar os filhos como eles são, e o que esta mensagem traduz é: não és suficientemente boa”, explicou a pedopsiquiatra Laura Davies.

 

 

in Correio da Manhã

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 16 de Maio de 2011

Mãe injecta botox no rosto e lábios de filha de oito anos

Para poder participar em concursos de beleza

 

 
Às vezes dói. Fico nervosa, mas estou a habituar-me", confessou Britney à ABC

Já se conhecia a longa tradição dos Estados Unidos em concursos de beleza para mais pequenos, mas agora estalou a polémica: Kerry Campbell, a mãe de uma jovem concorrente de oito anos, foi filmada pela cadeia ABC a injectar botox no rosto e nos lábios da filha, Britney. Objectivo? Realçar as feições da menor quando esta sorri.

 

Nos tratamentos de beleza de que é alvo, a criança californiana tem ainda colocado cera em várias partes do corpo para retirar alguns pelos.

Kerry Campbell explicou à ABC que os tratamentos de beleza fazem parte do seu dia-a-dia, dado que trabalha num salão de beleza e também faz injecções de botox em si mesma.

Sobre o facto de aplicá-las à filha Britney, a mãe explicou que o decidiu fazer quando a menor mostrou interesse em participar em concursos de beleza. “É um mundo duro, o dos concursos de beleza, digo-vos”, sublinhou Kerry ao programa ‘Good Morning America’.

Especialistas já vieram dizer que a menina corre risco de vida, tanto fisica como psicologicamente. No entanto, a mãe tentou afastar as polémicas de poder estar a afectar o estado de saúde de Britney: “Ela é uma menina feliz e isso é o mais importante.”

Já Britney confessou à ABC: “Às vezes dói. Fico nervosa, mas estou a habituar-me.”

 

 

Por:R.P.V.

in Correio da Manhã

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 6 de Maio de 2011

Burlonas confessam ter drogado e roubado homem na Ribeira de Santarém

 

Burlonas de Celorico: Francelina e Ana Maria

(no Brasil pode-se fotografar e filmar a cara dos criminosos aqui em Portugal temos de os proteger, situação ideal para os burlões que após cumprir pena podem voltar às antigas actividades que ninguém os reconhece)

 

A dupla de burlonas de Celorico de Basto, suspeitas de dezenas de golpes por todo o país, confessou no Tribunal de Santarém ter drogado e roubado um homem de 63 anos, residente na Ribeira de Santarém.

Depois de sucessivos adiamentos, Ana Maria Castro, de 36 anos, e Francelina Rodrigues, de 44, começaram a ser julgadas na terça-feira, 3 de Maio, tendo admitido a prática dos factos constantes na acusação do Ministério Público, que lhes imputa um crime de roubo.

Outrora cúmplices, as arguidas desentenderam-se na cela de detenção do tribunal enquanto aguardavam o julgamento e tiveram mesmo que ser separadas.

 

Leia a notícia completa na edição em papel.

 

 

in O Ribatejo

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 20 de Abril de 2011

Ajuste de contas mortal em Benavente

Homem de 26 anos foi brutalmente agredido por outro de 20 anos. Acabou por falecer

 

Um presumível ajuste de contas esteve na origem da morte de um homem de 26 anos, que foi brutalmente agredido por um jovem de 20 anos na passada quinta-feira, próximo de Samora Correia, concelho de Benavente, escreve a Lusa.

Em comunicado, a directoria de Lisboa e Vale do Tejo da Polícia Judiciária (PJ) afirma que o jovem foi detido pela presumível prática de um crime de homicídio na forma tentada depois de ter agredido, a soco e pontapé, um homem de 26 anos, tendo ficado em prisão preventiva.

Contudo, outra fonte disse à Lusa que a vítima acabou por falecer na sexta-feira, o que leva a que o agressor venha a ser acusado da presumível prática de um crime de homicídio.

Segundo esta fonte, na origem das agressões terão estado «contas antigas não resolvidas», tendo o mais jovem agredido violentamente o homem de 26 anos.

Os factos ocorreram cerca das 18h00 de quinta-feira, junto à estrada nacional 118, adiantou.

 

in TVI24

 

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 7 de Dezembro de 2010

Brasil: Menina violada ia ser vendida

Caso da criança sequestrada e abusada durante duas semanas

 

 

Elen, a menina de oito anos cuja história comoveu o Brasil na semana passada ao saber-se que fora raptada pela prima e violada durante duas semanas pelo namorado desta, um foragido à Justiça de 43 anos, estava destinada a ter um calvário maior. Quando o criminoso se fartasse dela, ia ser vendida a uma rede pedófila.

  

Por:Domingos G. Serrinha, Correspondente Brasil

 

A polícia de São Paulo apurou que o violador, Manuel Lopes Araújo Filho, que escapara da Penitenciária de Tremembé, no interior do estado de São Paulo, estava a negociar a pequena Elen com redes de pedofilia para, além de ganhar um bom dinheiro, se livrar da menina quando estivesse completamente saciado.

As autoridades policiais acreditam que o destino final da criança seria provavelmente um país distante, onde a possibilidade de ser encontrada seria bem mais remota.

Durante o cativeiro, Elen passou a maior parte do tempo trancada num armário. Foi cruel e repetidamente violada e espancada, forçada a ver filmes pornográficos e a assistir a cenas de sexo entre a prima e o namorado.

A brutalidade com que a menina foi tratada chocou os polícias e os psicólogos que trataram do caso.

Recorde-se que Elen conseguiu fugir quando os raptores saíram de casa julgando que ela estava a dormir, tendo então a menina aproveitado para telefonar à polícia.

 

in Correio da Manhã

 

 

 

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:10
link do post | comentar | favorito
Sábado, 4 de Dezembro de 2010

Suspeito de homicídio qualificado detido em Espanha

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou sexta-feira a detenção, pelas autoridades policiais espanholas, de um homem de 35 anos suspeito do crime de homicídio qualificado cometido a 23 de Outubro em Alcanena.

Em comunicado, o Departamento de Investigação Criminal de Leiria da PJ informa que “desenvolveu uma difícil e complexa investigação relativa a um crime de homicídio qualificado cometido de forma especialmente violenta”, que permitiu “a identificação do seu presumível autor e a consequente emissão de mandados de detenção europeu e internacionais”.

Segundo a PJ, o suspeito foi detido precisamente um mês depois do crime “na zona de Badajoz, onde se tinha refugiado logo após a prática do crime, com o apoio de familiares, usando identidade falsa com o objectivo de se furtar à acção da justiça portuguesa”.

“Após ter sido prontamente extraditado para o nosso país pela Audiência Nacional de Madrid”, o arguido foi presente a um juiz de instrução criminal que lhe determinou a medida de coação mais gravosa, a prisão preventiva, refere o mesmo comunicado.

Fonte da PJ adiantou à agência Lusa que no decurso da investigação foi apreendido, em Coimbra, o veículo usado no crime e, em Coruche, uma arma de fogo e 25 munições, concelho onde foram detidas duas mulheres – irmã e prima do alegado homicida.

A mesma fonte esclareceu que as arguidas, que aguardam o processo em liberdade condicionada a apresentações semanais às autoridades policiais, “faziam visitas regulares a Espanha”, onde se encontrava o presumível homicida.

O responsável da Judiciária explicou que se tratou de um crime especialmente violento dado que o suspeito “disparou seis tiros nas pernas e outro nos testículos da vítima”, que ainda sofreu agressões na cabeça com “uma moca de madeira”.

“O arguido, sem ocupação profissional, tem registos criminais por tráfico de estupefacientes”, crime que a PJ admite possa ter sido o móbil do homicídio.

A vítima estava ligada à construção civil e teve um estabelecimento de diversão nocturna, acrescentou esta fonte.

 

in O Mirante

 

 CM dá mais alguns pormenores....

 

Alcanena: Antes deu oito tiros à vítima abaixo da cintura

Tortura com moca

Por desavenças relacionadas com negócios de droga, um homem, de 35 anos, atraiu um ex-empresário da noite de Santarém para uma cilada, e num local ermo baleou-o com oito tiros, todos da cintura para baixo.~

 

Por:Luís Oliveira

 

 

O corpo do empresário Luís Rosário, de 40 anos, foi encontrado numa poça de sangue em via de terra batida

De seguida, e num cenário que a Polícia Judiciária descreve como sendo "especialmente violento", torturou-o com pancadas desferidas com uma moca. Até à morte.

O homicídio ocorreu no dia 23 de Outubro, em Alcanena. A vítima, Luís Rosário, de 40 anos, foi encontrada morta por um popular que passava de motorizada.

Segundo apurou ontem o CM junto de fonte policial, na origem do homicídio estão questões relacionadas "com negócios de droga". "Alguma coisa correu mal entre os dois, o que acabou por resultar na morte do homem", explicou a mesma fonte, salientando que o suspeito atraiu a vítima "para o seu carro e levou-o para um local onde concretizou o homicídio".

Tal como o CM noticiou no passado sábado, após o crime, o suspeito pôs-se em fuga para Espanha, mas os investigadores da Polícia Judiciária de Leiria localizaram-no de imediato e seguiram-lhe os passos até ser detido, no dia 23 de Novembro, pela Guarda Ci-vil em Villafranca de los Barros, na zona de Mérida,Espanha.

O suspeito esteve detido no Centro Penitenciário de Soto del Real (Madrid), até ser extraditado para Portugal, na passada segunda-feira. Foi presente ao juiz do Tribunal de Alcanena que lhe determinou prisão preventiva.

Segundo a PJ, durante as investigações foram constituídas arguidas duas mulheres – a esposa do suspeito e outra familiar, de 30 e 21 anos – que "auxiliaram o detido na fuga, visitaram-no várias vezes e dificultaram" o trabalho dos investigadores. Foram interrogadas judicialmente e ficaram sujeitas a apresentações semanais no posto policial da área da sua residência.

 

in Correio da Manhã

 

publicado por portuga-coruche às 09:06
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 8 de Novembro de 2010

Dupla droga e burla operária

Almeirim: Ficou sem mil euros em ouro e 50 euros em dinheiro

 

 

A vítima conta que as duas burlonas lhe disseram que tinha “um feitiço à porta”

Uma operária de 34 anos, residente em Almeirim, foi drogada e burlada por duas vendedoras ambulantes que lhe roubaram mais de mil euros em ouro e 50 euros em notas. Pelo modo de actuar, tudo indica que se trata das mulheres procuradas pela PSP por crimes semelhantes em Leiria, Pombal e Peniche.

 

Por:João Nuno Pepino

 

Na manhã do crime, Dina (nome fictício) abriu a porta a duas vendedoras de roupa que andavam de porta em porta. "Uma disse que eu tinha um feitiço à porta, que alguns vizinhos me queriam fazer mal, mas podia fazer uma reza especial para quebrar a maldição", conta a vítima ao CM, referindo que as mulheres tinham entre os 35 e os 50 anos, aparentavam ser de etnia cigana e eram bem-falantes.

Deixou-as entrar em casa e recorda-se de que lhe pediram 50 euros para "uns quebra feitiços" e lhe sopraram um pó para a cara, parecido com cinzas de papel. "Devo ter inalado qualquer coisa que me deixou fora de mim, porque perdi a noção do que estava a fazer e obedecia a tudo o que diziam", acrescenta Dina, que entregou às mulheres objectos de ouro e roupa íntima.

As burlonas estiveram dentro de casa entre as 11h30 e as 13h30, mas Dina ficou "desorientada o dia todo". "Disseram para ir ter com elas às 18h00, ao Lidl, e eu fui. Como não apareceram, percebi a asneira que tinha feito", acrescentou a mulher.

 

in Correio da Manhã

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 25 de Outubro de 2010

Santarém na rota da Máfia

Bombarral: Líder da máfia era conhecido por esbanjar dinheiro

Tráfico de mulheres juntou mafiosos

Sempre rodeado de mulheres bonitas e vistosas, Giovanni Lore, o chefe da máfia siciliana capturado pela PJ de Leiria no Bombarral, foi em busca de parceiros, assim que se instalou no nosso país, para dinamizar o negócio da prostituição que a sua organização desenvolvia em Itália, a par do tráfico de droga e do branqueamento de capitais, entre outros.

  

O bar em Santarém cujo proprietário foi detido pela PJ na mesma altura em que capturou Giovanni Lore

  

Por:Isabel Jordão/Tânia Laranjo

 

Em Santarém, o mafioso italiano conseguiu "estabelecer um contacto" para o seu grupo criminoso, que "ainda estava a instalar-se", disse ao CM fonte policial, adiantando que Giovanni Lore "dava nas vistas" pela forma como "esbanjava dinheiro".

Um dos portugueses detidos pela PJ de Leiria, e que aguarda em liberdade a continuação do primeiro interrogatório no tribunal da cidade, é proprietário de um conhecido bar em Santarém, e o seu envolvimento no grupo criminoso constituiu surpresa para quem o conhece de perto. Apesar dos nossos esforços, não foi possível falar com o arguido.

A técnica e a experiência da organização mafiosa foram também usadas para levar a efeito um sofisticado esquema de burlas que em poucos meses gerou um movimento de meio milhão de euros.

Através da clonagem de empresas com existência legal, o grupo comprava produtos alimentares em grande escala (só de uma vez foram 80 mil euros em enchidos e presuntos), que encaminhava para um armazém grossista no concelho de Torres Novas e que daí seguiam para lojas espanholas. Sempre ao volante de automóveis de grande cilindrada, o mais recente dos quais um Audi Q7 austríaco, que foi apreendido, Giovanni Lore procurou um parceiro português para o negócio, a quem propôs algo de altamente rentável, que afinal não passava de uma burla em grande escala.

Também detido no âmbito desta operação que a Polícia Judiciária designou por ‘Máfia do Oeste’ foi o proprietário do armazém grossista, que se dedica à comercialização de pescado congelado. Trata-se de um empresário português que aguarda em liberdade a continuação do interrogatório e que ontem não foi possível localizar.

INTERROGATÓRIO CONTINUA HOJE

Os sete detidos pela PJ de Leiria no final da semana passada voltam hoje à tarde a ser presentes ao juiz de Instrução Criminal do Tribunal Judicial de Leiria: os seis homens vão prosseguir o interrogatório e a mulher brasileira que foi ouvida como testemunha para memória futura vai conhecer a decisão do juiz em relação ao crime de permanência ilegal no País. Os seis arguidos já conhecem os crimes de que estão indiciados, mas só hoje vão ter oportunidade de saber que provas concretas existem contra eles. Também poderão depor. Apenas os quatro italianos – Giovanni Lore e três operacionais – estão ainda detidos, sendo que em relação aos dois portugueses o juiz entendeu, no sábado, que "deixaram de subsistir os motivos que determinaram a sua detenção", segundo explicou João Martins Leitão, o advogado de Santarém que assegura a defesa dos seis arguidos. Adiantou que "estão todos indiciados da prática dos mesmos crimes".

 

in Correio da Manhã

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:25
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.Citações Diárias

.Visitantes On-line

.Total de Visitas


Consultar Estatisticas

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O maior escândalo finance...

. Coisas a que ninguém espe...

. Mãe que injectava botox à...

. Mãe injecta botox no rost...

. Burlonas confessam ter dr...

. Ajuste de contas mortal e...

. Brasil: Menina violada ia...

. Suspeito de homicídio qua...

. Dupla droga e burla operá...

. Santarém na rota da Máfia

.últ. comentários

Sr José Sá, já confirmou a sua tese? Obrigado
Eu uso os produtos da HerbaLife há anos e são fant...
Tudo é muito aberta e muito clara explicação de qu...
Ė e nāo e pouco....
Subscrevo, já cá temos miséria que nos baste, e ge...
Por ser nutricionista e' que fala assim...
http://www.publico.pt/economia/noticia/herbalife-i...
essa empresa foi vendida a eden , que pelo visto a...
Estou para comprar um carro usado num stand de Sal...
VAI SE FERRAR. .INGERI OS COMPRIMIDOS DE MULTIVITA...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. abel matos santos

. acidente

. água

. águas do ribatejo

. almeirim

. apanhados

. aquecimento global

. assalto

. autarquia

. benavente

. biscainho

. blogosfera

. bombeiros

. burla

. câmara municipal de coruche

. carina

. cdu

. china

. ciência

. cigana

. ciganos

. clima

. climategate

. cobre

. comboio

. copenhaga

. cortiça

. coruche

. couço

. cp

. crianças

. crime

. criminalidade

. crise

. dai

. david megre

. desaparecida

. desaparecidos

. desemprego

. desporto

. dionísio mendes

. dívida

. douro

. droga

. economia

. edp

. educação

. emigração

. emprego

. energia

. ensino

. escola

. espanha

. etnia

. fajarda

. faleceu

. fascismo

. festas

. finanças

. fmi

. fome

. gnr

. humor

. imperialismo

. impostos

. insólito

. internet

. ipcc

. justiça

. ladrões

. lamarosa

. meteorologia

. mic

. miccoruche

. morte

. música

. phil jones

. pobreza

. política

. pontes

. procura-se

. racismo

. roubo

. santarém

. saúde

. segurança

. sociedade

. sub

. tempo

. ticmais

. toiros

. tourada

. touros

. trabalho

. tráfico

. tribunais

. video

. videos

. violência

. xenofobia

. todas as tags

.links

.Enviem Notícias e Comentários

CONTACTO

greenbit@sapo.pt

.pesquisar

 

.Outro Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds