Sexta-feira, 30 de Julho de 2010

Dia 31 Julho: Festa da Cerveja

Dia 31 de Julho, pelas 22 horas, apareçam na Praça de Toiros de Coruche para participarem na I Grande Festa da Cerveja em Coruche.

Bandas, DJ's, Bar Aberto pela noite dentro, Arena em Movimento, são apenas algumas das surpresas que vos esperam.

 

 

in Festas de Coruche

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

NASA divulga novo mapa de Marte com melhor resolução

Mapa foi disponibilizado na Internet pela NASA
A NASA colocou on-line um novo mapa do planeta Marte, que segundo a agência espacial norte-americana é o mais completo até à data e com imagens com uma melhor resolução

 

O projecto resulta de uma parceria entre a NASA e a Universidade do Arizona e baseia-se em imagens captadas por uma câmara de infra-vermelhos especial instalada a bordo da sonda Mars Odyssey.

O mapa, que pode ser consultado na Internet, conta com cerca de 21 mil imagens fotografadas pela câmara ao longo dos últimos oito anos para cobrir toda a superfície do planeta marciano.

Para tornar o site mais interactivo, a NASA integrou no mapa algumas ferramentas através das quais o utilizador pode fazer zoom ou identificar pontos de interesse.

 

in SOL

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 28 de Julho de 2010

Resposta ao comunicado do MIC

Respostas da Casa Civil do Presidente da República e do Ministro da Administração Interna ao comunicado do MIC "Basta de insegurança! É preciso fazer cumprir a Lei."

  

 

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:10
link do post | comentar | favorito

Açudes da Agolada e do Monte da Barca com classificação de áreas protegidas

Os açudes da Agolada e do Monte da Barca, no concelho de Coruche, têm desde dia 23 de Julho a classificação de áreas protegidas de âmbito local, que vem substituir a de sítios classificados. A decisão da assembleia municipal ratifica a posição camarária e foi tomada por unanimidade.

 

Após recurso a uma empresa que estudou a melhor classificação para as duas áreas naturais do concelho, e sob acompanhamento do Instituto de Conservação da Natureza e Biodiversidade (ICNB), a autarquia decidiu-se pela nova classificação. “O ICNB tem um papel cada vez mais reduzido em relação a estas paisagens, cabendo ao município a responsabilidade de gestão dessas áreas naturais, ainda que em terrenos privados”, salientou o presidente da autarquia, Dionísio Mendes (PS).

 

Se no caso do açude da Agolada existe um acordo com o proprietário para a gestão, sobre regras mais apertadas, da frequência do espaço, no caso do açude do Monte da Barca o acesso continua condicionado devido à falta de acordo com os vários proprietários. Em Março de 2004 a área de lazer em torno do açude foi vandalizada, com árvores abatidas, mesas, bancos e fogareiros destruídos, caminhos de acesso bloqueados e danificados. Nunca foram identificados os responsáveis.

 

A bancada da CDU aprovou a reclassificação dos açudes mas não deixa de criticar o destino dado à Agolada e a permissividade com quem manda no Monte da Barca. Segundo Fernando Serafim, o caminho de acesso ao Monte de Barca está bloqueado e os visitantes avisados com um letreiro com normas do código civil. Para si, as águas são públicas e os açudes não são dos proprietários.

 

Para Armando Rodrigues, o acordo com o proprietário do açude da Agolada só traz vantagens para o próprio, enquanto a câmara arca com as responsabilidades. “Há que zelar pelos interesses da população e, quando se fala em gastar dinheiro, diga-se que o estudo encomendado pela câmara custou 15.400 euros”, revelou.

 

O presidente da Câmara de Coruche diz que, no caso da Agolada, existe a gestão possível de uma área que é privada. Dionísio Mendes defende que a câmara está a aproveitar o que a legislação permite para tentar chegar a acordo com os proprietários do Monte da Barca, sabendo que é difícil conciliar interesses entre as partes.

 

Sobre interesses, o deputado do MIC, Gonçalo Ferreira, considera que os espaços naturais são privados e que não se pode ter uma lógica de “ser público quando se quer usufruir e de ser privado quando há necessidade de fazer obras”.

 

Para o presidente da Câmara de Coruche a gestão dos açudes é a possível. “No caso da Agolada fizemos um acordo judicial com o advogado da câmara, na gestão CDU, Chumbita Nunes. No caso do Monte da Barca existe um acesso bloqueado mas outros dois disponíveis do lado do Rebocho e mais acima do que o que está fechado, na estrada para Santana do Mato”, afirmou o autarca. Acrescenta esperar que o açude do Monte da Barca venha a ter uma gestão semelhante à da Agolada.

 

in O Mirante

publicado por portuga-coruche às 07:05
link do post | comentar | favorito

Parlamento da Cataluña proibe as corridas de toiros

A PARTIR DEL 1 DE ENERO DE 2012

El Parlamento de Cataluña prohíbe las corridas de toros

El Parlamento de Cataluña ha aprobado la Iniciativa Legislativa Popular (ILP) para prohíbir las corridas de toros en dicha comunidad autónoma. La propuesta ha salido adelante con 68 votos a favor, 55 en contra y 9 abstenciones.

La ILP, presentada por la plataforma Prou! con el aval de 180.000 firmas, fue admitida a trámite el pasado mes de diciembre. Desde entonces, el debate se instaló en el Parlament, con argumentos a favor y en contra del veto, y a la propia Monumental de Barcelona, este mismo domingo.

Hasta ahora, la intención de vetar las corridas en Cataluña no había ido más allá de gestos simbólicos como la proclamación de Barcelona en 2004 de ciudad antitaurina.

 

 

 

in Marca

 

 

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Terça-feira, 27 de Julho de 2010

O MIC na defesa da verdade, da segurança e da qualidade de vida

 

Nota de imprensa

 

A propósito das duas últimas Assembleias Municipais

 

O MIC na defesa da verdade, da segurança e da qualidade de vida

 

Recebemos nos últimos meses, inúmeras palavras de apoio em relação às posturas dos eleitos do MIC, aquando dos elogios puramente saudosistas, ideológicos e falsos dos deputados do PS, CDU e PSD sobre o 25 de Abril. Geraram-se contactos de dezenas de cidadãos, dos locais mais recônditos do concelho, do distrito e até de Coruchenses espalhados pela diáspora Portuguesa, inclusive das áreas políticas menos esperadas, que salientaram a coragem, a firmeza e o enraizado apego à verdade que Abel Matos Santos e Gonçalo Ramos Ferreira demonstraram com as suas posições.

 

É também importante frisar que nenhum partido político tentou desmentir ou ousou contrapor os factos assinalados pelos deputados do MIC, tal é a força da verdade.  

 

 

 

A tentativa de silenciar e a segurança no concelho

 

Depois do saneamento do Jornal de Coruche, depois de "desaconselharem" a gravação do áudio das Assembleias Municipais (AM), depois de ficarmos a saber que a revisão do PDM de Coruche, a decorrer há vários anos está para durar e no dia em que faleceu o autor da frase "O 25 de Abril acabou. É história. É uma promessa que não se realizou", o MIC apresentou uma moção sobre a Segurança, que embora não tenha sido divulgada no site da Câmara, encontra-se anexa a este comunicado.

  

 

Moção essa, que foi votada favoravelmente pela CDU e PSD, mas com os votos contra do PS, que percebendo o que estava em causa, considerou que estes problemas não se resolvem com declarações deste tipo (Luísa Portugal), que não é o local adequado para se apresentar esta moção Osvaldo Ferreira) ou ainda que o problema não é da GNR, mas do facto de os tribunais não funcionarem (Jacinto Barbosa), constatação última que também partilhamos.

Já o Presidente da Assembleia disse entender o que estava subjacente à moção e acrescentou que em sua opinião a forma como o cidadão comum é abordado sofreu algumas alterações nos últimos meses.


A protecção ambiental e o direito à propriedade

 

Mais uma vez, o MIC fez-se representar por Gonçalo Ramos Ferreira e por Sandra Meirinho na última AM de 23 de Julho, onde o primeiro ponto da ordem do dia foi a classificação dos Açudes da Agolada e Monte da Barca como áreas protegidas de âmbito local.

Este tema permitiria uma viagem ao passado, ao epicentro do PREC, fazendo lembrar o mote dos soldados do MFA às populações "Primeiro ocupa-se, depois vem a lei", pois a CDU diz entender que o espaço dos açudes é da população e não dos legítimos proprietários, para rapidamente se contradizerem, ao exigir que cabe aos proprietários privados fazerem a manutenção destes locais.

 

O MIC tem consciência da importância destes espaços no Concelho, não tendo dúvidas que são propriedade privada, contudo sentiu a necessidade de questionar se a classificação destes espaços e se esta situação não iria criar uma maior pressão sobre estas áreas, colocando em causa a sua sustentabilidade ecológica, devido a uma maior afluência de visitantes.

O deputado municipal do MIC, Gonçalo Ramos Ferreira, interpelou directamente a equipa técnica que procedeu ao estudo desta classificação, mas o representante do executivo municipal entendeu não fazer ouvir os técnicos, tendo contudo defendido que o espaço é privado e que os proprietários irão continuar a defender os seus interesses.

 

Entendemos que locais como o Açude da Agolada (criado pelo proprietário na década de 1930), possam ser visitáveis pela população, para fins pedagógicos, especialmente se possuírem um plano de conservação e aproveitamento associado feito por especialistas. Contudo estes espaços devem ter regras bem definidas, onde a excessiva e desordenada presença de visitantes pode mesmo ser um impedimento à sua conservação.

 

A forma incontida de conter a despesa e a falta de apoio social

 

O MIC entende que o executivo tem o direito de gerir a despesa como entender melhor e tendo em conta que existe uma menor transferência do Estado para a autarquia e que não somos nenhuma força de bloqueio, a proposta de contenção de despesa não nos choca e solidarizamo-nos.

 

 

 

Contudo, não podemos deixar de mostrar a nossa surpresa, pois parece que o mundo mudou em poucas semanas, tendo em conta que o grupo municipal da CDU, grupo extremamente demagógico e que recorrentemente utiliza do bota-abaixo, até antecipou esta discussão há algumas semanas na última AM, diagnosticando a menor receita e sugerindo cortes selectivos, apresentando soluções concretas para surpresa de todos.

 

 

 

Mas nessa altura o executivo, na pessoa do Presidente da Câmara, disse para a Oposição estar descansada, não estar preocupada, que não ia ser reduzido o investimento e que apenas iam ser reduzidos os gastos de gestão corrente, utilizando exemplos como o passar a usar água da torneira em vez de água engarrafada nas sessões da AM.

 

 

 

No entanto, hoje percebemos que medidas deste género não são suficientes e que esta contenção não se limita a gastos de gestão corrente, mas é transversal à despesa, atingindo as freguesias do nosso Concelho, que deviam ser alvo de apoio nas alturas mais difíceis, onde a obra social, de ajuda aos mais idosos continua inexistente.

 

 

 

Descaracterizar a matriz identitária

 

Sabemos também agora que a ideia deste executivo para o espaço do Mercado Municipal, é mais uma afronta à matriz da nossa terra, ao planear descaracterizar os objectivos primordiais de um edifício histórico com aquelas características, sacrificando os costumes das nossas gentes e o valor diferenciador de Coruche, em nome de mais um espaço polivalente que ambicionando ser diferentes coisas, acabará por dificilmente ser alguma coisa.

 


O MIC solicitou também o envio da documentação das Assembleias em formato digital, para os deputados que assim o solicitem, como forma de contenção de despesa e de responsabilização ambiental da Assembleia Municipal de Coruche.

 

MIC – Movimento Independente de Cidadãos por Coruche

 

 

A Moção Anexa:

 

 

MOÇÃO “COMPORTAMENTO E ACÇÃO DAS FORÇAS DE SEGURANÇA” apresentada pelo Grupo Municipal do MIC, na Assembleia Municipal de 18 de Junho 2010 - Não foi aprovada, por maioria, com 16 votos contra do PS, 9 votos a favor (6 da CDU, 2 do MIC e 1 do PSD) e 2 abstenções do PS.

 

1 - Reconhecendo o valor e a importância das forças de segurança na organização da sociedade enquanto factor de estabilidade e desenvolvimento das actividades humanas.

 

2 - Tendo em conta a escassez de efectivos no nosso concelho e a consequente dificuldade em actuar no combate ao crime e no aumento da sensação de segurança por parte das populações.

 

3 - Sendo a criminalidade uma realidade no Concelho de Coruche que não dá sinais de diminuir, ao mesmo tempo que as populações percepcionam um clima de impunidade e insegurança.

 

4 - Sendo a organização dos efectivos, dos serviços, e, da relação com as comunidades e as pessoas, um dos grandes desafios da liderança por parte das forças de segurança.

 

5 - Na sequência de várias queixas apresentadas por cidadãos do concelho de Coruche, e nesta Assembleia Municipal, sobre determinados comportamentos desadequados, menos correctos, que colidem com o bom relacionamento que se deseja, entre os cidadãos cumpridores e suas comunidades, com as forças de segurança, por parte de militar da GNR.

 

Vem o Grupo Municipal do MIC, solicitar que se faça chegar ao Comando Territorial da GNR de Coruche, ao Comando Geral da GNR e ao Ministério da Administração Interna, esta moção no sentido que a situação possa ser cabalmente investigada e alterada, para que os procedimentos sejam adequados e aproximem as populações das forças de segurança, condenando o comportamento e atitudes descritas e relatadas por vários cidadãos e em particular pela situação apresentada nesta assembleia no passado dia 30 de Abril de 2010.

 

Solicita-se ainda que o Executivo Municipal diligencie no sentido de acompanhar e sensibilizar a GNR para esta situação e que possa o Conselho Municipal de Segurança ser também envolvido.

 

Que se dirijam os recursos de todos no sentido do combate ao crime e na protecção das populações.

 

Que se dê conhecimento às seguintes entidades;

- Ministério da Administração Interna

- Governo Civil de Santarém

- Comando Local, Territorial e Geral da GNR

- Grupos Parlamentares na Assembleia da República.

 

Divulgue-se nos locais do costume e aos órgãos de comunicação social locais, regionais e nacionais.

 

O Grupo Municipal do MIC

Abel Matos Santos

Gonçalo Ramos Ferreira

 

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 26 de Julho de 2010

Incêndio na Brejoeira

Mais de 300 bombeiros combatem sete incêndios em Portugal

No terreno estão ainda 80 viaturas de combate às chamas e uma dezena de aviões

 

Havia sete incêndios activos em Portugal às 14:45, de acordo com a página na Internet da Autoridade Nacional de Protecção Civil. No terreno estavam 336 bombeiros, apoiados por oito dezenas de viaturas e uma dezena de meios aéreos.

 

Em São Gonçalo, concelho de Mesão Frio, distrito de Vila Real, estavam mobilizados 29 bombeiros, sete veículos de combate às chamas e um helicóptero pesado.

Já no distrito do Porto, em Monte Meda, concelho de Gondomar, as chamas estavam a ser combatidas por 59 operacionais, apoiados por 17 veículos e dois aviões bombardeiros pesados.

As chamas estavam também a consumir uma zona de mato em Ermida, Sever do Vouga, no distrito de Aveiro, onde estão 53 bombeiros, 12 viaturas de incêndio e um helicóptero.

No concelho de Póvoa do Lanhoso, distrito de Braga, estava um fogo activo, em Covelas. No terreno estão 20 bombeiros, apoiados por cinco viaturas e um helicóptero.

No concelho de Viseu, o fogo lavra em Pascoal, onde estavam às 14:45 58 bombeiros, 14 viaturas, dois aviões e um helicóptero.

Em Brejoeira, concelho de Coruche, Santarém, um incêndio mobilizava 64 homens, 13 viaturas de combate às chamas e dois aviões.

No concelho de Caminha, Viana do Castelo, um incêndio ardia em Cima. No terreno estava 53 bombeiros e 15 veículos.


in IOL Diário

 

Nesta altura, e conforme o site da ANPC - Autoridada Nacional de Protecção Civil, o fogo já está controlado

 

 

in site da ANPC

publicado por portuga-coruche às 18:05
link do post | comentar | favorito

Fogo no Frazão

Fogo em Coruche colocou casas em perigo

O incêndio registado domingo em Coruche, na aldeia de Frazão (Lamarosa), já se encontra completamente debelado.

Segundo o comandante dos Bombeiros Municipais de Coruche, este incêndio consumiu cerca de dois hectares de “zona intermédia entre a floresta e o meio urbano, o que colocou em risco algumas habitações onde foi preciso estabelecer um perímetro de segurança”.

Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém, estiveram envolvidos neste incêndio 10 corporações, 51 bombeiros, 14 viaturas e 3 meios aéreos (um avião e dois helicópteros).

Segundo os Bombeiros de Coruche, registou-se ainda outro incêndio florestal, na zona do Monte Branco (Couço), que está já também debelado, não tendo ameaçado zona habitada.

Segundo o comandante Luís Fonseca, este incêndio ocorreu numa zona de difícil acesso para os meios terrestres e foi principalmente combatido por três meios aéreos, pelos sapadores florestais e por alguns meios de corporações do distrito de Évora.

 

in O Mirante

publicado por portuga-coruche às 07:00
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 23 de Julho de 2010

Preso em cave durante seis anos por estar possuído

Espírito feminino não gosta do Alcorão

Vítima chegou a ser exorcizada e recebeu leituras do Alcorão

Um homem da Arábia Saudita chamado Turki, de 29 anos, vive preso e acorrentado numa cave há mais de seis anos porque o seu pai acredita que ele está possuído por um espírito feminino.

 

 

Segundo o seu pai, citado pelo 'Daily Mail', Turki “tem convulsões, o seu corpo contorce-se e os olhos ficam brancos. Depois pode se ouvir uma voz feminina vinda dele”

 

Quando o possuído se começou a comportar de forma estranha, o seu pai levou-o a clérigos muçulmanos na zona para que exorcizassem Turki através de leituras do Alcorão.

 

“Mas a maior parte deles assustou-se quando ouviram Turki falar com voz feminina dizendo que ela é um génio real e ninguém a consegue banir sem matar primeiro Turki”, disse o pai.

 

 

O pai de Turki também já foi vítima de um espírito quando tinha nove anos e sofreu com isso cerca de quatro décadas até que foi exorcizado.

 

Um saudita activista dos Direitos Humanos, Suhali, visitou Turki e disse que este se encontra em “semi-coma” não tendo qualquer percepção do que se passa à sua volta. Quando Suhali começou a ler alguns versos do Alcorão, Turki ficou furioso e só se acalmou quando a leitura acabou. 

 

Suhali comunicou com o Ministério dos ‘Assuntos’ Sociais pedindo que a família de Turki recebesse melhores condições e para que o filho possuído fosse integrado no programa de segurança social. 

 

 

in Correio da Manhã

publicado por portuga-coruche às 07:30
link do post | comentar | favorito

Casal nigeriano surpreendido com bebé branco

Cientistas não encontram explicação para o sucedido

 

Ben e Angela, um casal britânico de origem africana, ficaram surpreendidos quando nasceu o seu terceiro filho. O espanto deve-se ao facto do novo rebento da família ser branco e ter madeixas de cabelo loiro.

 

O casal não duvida que a bebé seja sua filha e os especialistas descartam a hipótese de se tratar de um caso de albinismo.

 

“Ela é linda, um milagre da natureza”, afirmou a progenitora ao jornal 'The Sun'. Já Ben, ao ver a filha, terá brincado com a mulher, ao questionar se ela “era sua filha”.

 

Nmachi foi o nome escolhida para a menina, que significa ‘a beleza de Deus’, por acreditarem que a criança é um milagre divino.

 

Já os especialistas em genética estão estupefactos, por o casal ser de origem nigeriana, sem qualquer influência de outras raças na sua ascendência, contrariando assim as leis da genética, o que pode significar a existência de uma mutação desconhecida.

 

Até se perceber este mistério da ciência, certo é que a menina tem uma família que se encontra feliz com o seu nascimento.

 

“Não importa a sua cor. Importa sim que eu a amo”, refere Angela.

 

 

in Correio da Manhã

 

O estranho disto tudo é ninguém falar de um "tira-teimas" chamado "Teste de DNA" que era por onde esta história deveria começar para ter a relevância que acabou por ter. Mistério? Só mesmo estes génios todos não terem escurtinado essa hipotese. 

publicado por portuga-coruche às 07:05
link do post | comentar | favorito

.Citações Diárias

.Visitantes On-line

.Total de Visitas


Consultar Estatisticas

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Corte no abastecimento de...

. Novo estudo sobre toxidad...

. De olhos bem abertos

. GNR apanha ladrões de bom...

. 85% da divida foi gerada ...

. Continuamos à Espera

. Orientação Pedestre - Cam...

. Dakar Desert Challenge ap...

. Coruche acolhe caravana d...

. DIA EUROPEU DO ENOTURISMO...

.últ. comentários

Sr José Sá, já confirmou a sua tese? Obrigado
Eu uso os produtos da HerbaLife há anos e são fant...
Tudo é muito aberta e muito clara explicação de qu...
Ė e nāo e pouco....
Subscrevo, já cá temos miséria que nos baste, e ge...
Por ser nutricionista e' que fala assim...
http://www.publico.pt/economia/noticia/herbalife-i...
essa empresa foi vendida a eden , que pelo visto a...
Estou para comprar um carro usado num stand de Sal...
VAI SE FERRAR. .INGERI OS COMPRIMIDOS DE MULTIVITA...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. abel matos santos

. acidente

. água

. águas do ribatejo

. almeirim

. apanhados

. aquecimento global

. assalto

. autarquia

. benavente

. biscainho

. blogosfera

. bombeiros

. burla

. câmara municipal de coruche

. carina

. cdu

. china

. ciência

. cigana

. ciganos

. clima

. climategate

. cobre

. comboio

. copenhaga

. cortiça

. coruche

. couço

. cp

. crianças

. crime

. criminalidade

. crise

. dai

. david megre

. desaparecida

. desaparecidos

. desemprego

. desporto

. dionísio mendes

. dívida

. douro

. droga

. economia

. edp

. educação

. emigração

. emprego

. energia

. ensino

. escola

. espanha

. etnia

. fajarda

. faleceu

. fascismo

. festas

. finanças

. fmi

. fome

. gnr

. humor

. imperialismo

. impostos

. insólito

. internet

. ipcc

. justiça

. ladrões

. lamarosa

. meteorologia

. mic

. miccoruche

. morte

. música

. phil jones

. pobreza

. política

. pontes

. procura-se

. racismo

. roubo

. santarém

. saúde

. segurança

. sociedade

. sub

. tempo

. ticmais

. toiros

. tourada

. touros

. trabalho

. tráfico

. tribunais

. video

. videos

. violência

. xenofobia

. todas as tags

.links

.Enviem Notícias e Comentários

CONTACTO

greenbit@sapo.pt

.pesquisar

 

.Outro Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds