Terça-feira, 30 de Setembro de 2008

Os cem abrigos de Lisboa

O Eng.º Monteiro trabalhava na Câmara há vinte anos e já tinha ouvido falar das casas à borla. Não ligava muito também diziam que a Deonilde da contabilidade vendia ouros e ele não acreditava. Quando o falatório se tornou ensurdecedor, e todos os dias era mais um e mais outro que também tinha uma casa da Câmara, perguntou à sua chefe o que é que se passava. Afinal, tudo tinha uma explicação.


 

Era a CML, Cooperativa Municipal de Lisboa, um modelo habitacional autárquico alternativo, de influência socialista: a edilidade dispunha de uma bolsa de apartamentos e casas, de várias tipologias, para distribuir pelos funcionários e amigos.

Não era o modelo típico soviético, do bairro do funcionário do partido, gigantes Portelas cinzentas, ninhos de clones burocráticos. Também não era o modelo cleptocrático do terceiro mundo, em que os do Partido tinham moradias luxuosas e o resto dormia e morria na sarjeta. Não. Era um modelo misto: alguns funcionários, intelectuais e artistas tinham casas do município. Outros não. E havia casas para todos os gostos: em bairros históricos, em bairros de intelectuais, casas boas, casas menos boas.

Também havia bairros sociais, mas esses eram, como o nome indica, para os pobres. Alguns pobres.

A Cooperativa era eficaz: um processo desburocratizado em que uns pediam e outros davam. Era fácil e rápido. Gente boa lá do serviço, de confiança, que não ia faltar com a renda combinada, nem estragar muito as paredes. E se fosse preciso, a senhoria ia fazendo obras. Era uma espécie de casas de função, mas sem função, nem lei.

Também explicaram ao Eng.º Monteiro que o sistema da Cooperativa Municipal de Lisboa ia ser atacado por calúnia e inveja de muitos. Reaccionarices de quem desconfia do que é novo.

Diriam que Lisboa tem milhares de sem-abrigo, de pobres em casas decrépitas, de jovens casais expulsos para a Bobadela pelas taxas de juro. Demagogias. Calúnias. Mas o Eng.º não percebia bem por que estas casas não eram para esses.

Explicaram-lhe que estava a misturar coisas diferentes. Aquelas casas nunca seriam para os sem-abrigo que, por natureza e pelo nome, não podem ter um abrigo (até lhe disseram que não querem ter abrigo). Nunca seriam para os casais de jovens suburbanos porque senão estes deixariam de ser suburbanos (até lhe disseram que eles gostavam de ser suburbanos e que não apreciam as casas da Câmara em zonas sofisticadas). Era outra lógica. Repetiam-lhe: um modelo de habitação municipal misto, de inspiração socialista. Continuava sem perceber muito bem.

Sempre que chegava a casa e via o vagabundo que dormia na rampa da sua garagem, o Eng.º pensava nas palavras da Ana Sara Brito, lá da Câmara: "cada sem-abrigo tirado da rua é uma vitória".

Há quem devesse ter vergonha dos sem-abrigo, mas tem abrigos sem vergonha.
 
 
João Taborda da Gama
 

 

Isto dá para tudo ! E depois disto ainda fazem greve. De certeza que não é por "espirito de classe" ! Se calhar, mas só se calhar é porque acham que a avaliação profissional não se justifica no seu caso. Até porque não confiam nos seus superiores, em todos, e neles próprios quando são promovidos, vá-se lá saber porquê.......

publicado por portuga-coruche às 12:24
link do post | comentar | favorito

Sindicatos afectos à CGTP vão fazer greve a 1 de Outubro

Os sindicatos da Função Pública, afectos à CGTP, vão fazer uma greve nacional no dia 1 de Outubro, anunciou esta quarta-feirta a coordenadora da Frente Comum dos Sindicatos da Função Pública.

 

«A greve de 24 horas visa mostrar ao Governo que os trabalhadores não estão dispostos a aguentar mais. A administração pública faz parte do país e o executivo continua a ter uma atitude altista, sem dar resposta às reivindicações dos trabalhadores», justificou Ana Avoila, segundo a agência «Lusa».

A greve realiza-se no âmbito de uma jornada nacional de luta convocada pela CGTP para o primeiro dia de Outubro.
 

 

in IOL Diário

 

Podiam meter 1 azeitona a mais em cada refeição, andar sempre em 4.ª, sair todos 1 hora mais tarde! Deixar de cobrar durante um dia ao Zé Povinho! Isso prejudicava o Estado. Agora fecharem a escolinha dos putos só me lixa a mim à minha mulher e às crianças que vão ter que me aturar um dia inteiro (vou ter que tirar um dia de férias que estava guardado  para quando um deles ficasse doente e nessa altura irá decerto faltar). Que falta de respeito. Este transtorno constante vai levar-me a votar naqueles que prometerem reduzir e privatizar ainda mais o sector público.

Aqui vai o meu apelo a todos aqueles que como eu não veem sentido em ser prejudicados e lesados por algo que os ultrapassa, como se a imcomodar fosse a melhor forma de pressão. Já me estou a imaginar num restaurante a fazer barulho e a andar em cima das mesas e a guardar todos os talheres numa atitude tipo: " se eu não como mais ninguem come".

Todos os trabalhadores tem direitos e deveres! Um dos deveres deveria ser respeitar os outros e não prejudicar ninguem.  Se tem problemas com o patrão porque será que tem que ser sempre o mexilhão a pagar por isso?! Se fosse numa empresa privada possivelmente não o fariam sob risco de perderem clientes e depois perderem o emprego mas como trabalham para o estado já podem lixar tudo e todos. Uma lição para o Estado. A solução ? Privatizar, privatizar. A ver se esta cambada também tinha este comportamento para o patrão falir e perderem o emprego.

 

 

tags:
publicado por portuga-coruche às 11:10
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Quem não gosta de uma boa febra ?!

 

Ao aparecer com a t-shirt "Real girls eat meat", Jessica atingiu aos vegans no doi-doi e as vozes (e até ameaças) não se tem feito esperar. Deixam a menina! Não veem que ela tem que se alimentar ?!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O Cruxe fez um comentário, logo merece que tenha mais duas fotos, que é para ver melhor o impacto de uma dieta carnivora

publicado por portuga-coruche às 10:35
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Navios americanos vigiam barco tomado por piratas

Vários navios de guerra norte-americanos estão a vigiar o cargueiro ucraniano «Faina» que transportava tanques e armas ao largo da costa da Somália e que foi sequestrado a 25 de Setembro, escreve a Lusa.

 

Em comunicado, a V Frota dos Estados Unidos indica que a embarcação está ancorada nas imediações da costa da Somália e «o objectivo da vigilância é impedir o desembarque da carga e a segurança dos tripulantes».

O navio foi capturado por um grupo de piratas quando seguia para o porto de Mombasa (Sudeste do Quênia). Contudo, um porta-voz militar dos Estados unidos, afirma que o armamento transportado tinha como destino o Sudão, país submetido a um embargo da Organização das Nações Unidas, ONU. A tripulação é integrada por 17 ucranianos, três russos e um letão.
 

 

 

in IOL Diário

 

Aqui está um dos intervenientes que contribui para a miséria no Sudão: A Russia. Em sede própria deveriam ser condenados, infelizmente parece que a ONU não tem autoridade suficiente. Eis o resultado da cobiça Humana:

 

 

 

publicado por portuga-coruche às 10:14
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 29 de Setembro de 2008

Assembleia Municipal de Coruche mantém valores do IMI para 2009

A Assembleia Municipal de Coruche aprovou o Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) para 2009, fixando a taxa em 0,7 por cento para os prédios urbanos e em 0,4 por cento para os prédios urbanos avaliados no código do IMI. As percentagens são as mesmas de 2007, com a maioria da assembleia a não aceitar a proposta de CDU de descida de uma décima em cada taxa.
O plenário deliberou ainda a isenção do pagamento de IMI à unidade de exploração e engarrafamento de água da Nestlé por dois anos. A empresa deve iniciar actividade na localidade de Ovelhas, S. José da Lamarosa, em Maio de 2009.

tags:
publicado por portuga-coruche às 12:14
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 26 de Setembro de 2008

Burlões fazem-se passar por analistas da água

Na passada quarta-feira, 17 de Setembro, José António Félix chegou a casa, no lugar de Casal Calado, mesmo a tempo de correr com um dos farsantes. “O meu marido desconfiou da pinta do homem e pediu-lhe a identificação. Foi quando ele arrancou no carro e fugiu a grande velocidade”, contou ao nosso jornal a esposa, Angelina Félix, acrescentando que o alegado burlão conduzia um BMW preto, do qual ninguém conseguiu tirar a matrícula.
Ainda não há vítimas de roubos ou furtos, mas o caso está a provocar grande apreensão entre os habitantes destes lugares, onde várias famílias já foram contactadas pela suposta empresa de controlo da qualidade da água.
“Que eu conheça, foram contactadas quatro pessoas”, contou ao nosso jornal um outro morador, Ricardo Tomás, não só em Casal Calado, mas também no Pé da Serra e Fonte da Bica, pequenos lugares próximos uns dos outros.
“Primeiro, telefonam e perguntam a que horas estamos em casa. Fazem muitas perguntas e tentam descobrir se somos novos ou velhos”, acrescentou ainda Angelina Félix, que lamenta não se recordar do nome da empresa. Sobre o homem que tentou entrar na sua residência, pedindo-lhe que fervesse um litro de água, acrescenta apenas que nunca o tinha visto e que anda pela casa dos 30 anos.
O caso já levou a Câmara Municipal de Rio Maior, que é responsável pela qualidade da água da rede pública, a emitir um comunicado onde afirma ser totalmente alheia a esta situação e a informar que não contratou qualquer empresa para realizar análises.

 

in O Ribatejo

publicado por portuga-coruche às 14:45
link do post | comentar | favorito

O poder da TV

Crianças vivem num centro de acolhimento e estão separadas dos pais há três meses

 

 

 

 

Segurança Social só procurou família de Foros de Salvaterra depois de entrevista na televisão

 

fotoA Segurança Social de Salvaterra de Magos só procurou a família a quem foram retirados os três filhos depois de uma entrevista na televisão. Cinquenta dias depois do tribunal ter decidido que o agregado seria acompanhado.

 

O casal de Foros de Salvaterra de Magos a quem, há três meses, foram retirados os três filhos por falta de condições na habitação só começou a ser acompanhado pela Segurança Social depois de ter sido entrevistado num programa de televisão.

A 28 de Julho o Tribunal de Menores de Vila Franca de Xira decidiu que os filhos menores de Marília Batista e Joaquim Manuel continuariam afastados dos pais, no Centro de Acolhimento Temporário da Praia do Ribatejo, concelho de Vila Nova da Barquinha. Local para onde foram quando a 20 de Junho a Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Salvaterra de Magos retirou as crianças ao casal com grande aparato policial. Falta de condições de habitabilidade foi a razão invocada para a decisão.

No dia em que o tribunal decidiu que os menores ficavam no centro de acolhimento ficou acordado entre o casal e a Segurança Social de Salvaterra de Magos que o agregado seria acompanhado com regularidade por uma assistente social. Clara Carregado – que também pertence à Comissão de Protecção de Crianças e Jovens - ficou responsável pelo processo. Mas desde essa altura que o casal está entregue à sua sorte. Têm contado apenas com a solidariedade de vizinhos e da sociedade civil que se tem mobilizado para ajudar o casal a construir a sua habitação de forma a ter as condições de habitabilidade necessárias para ter os filhos de volta.

Apenas no dia 16 de Setembro – depois da jovem mãe ter participado num programa de televisão onde expôs o seu caso - é que duas técnicas se deslocaram a casa de Marília e Joaquim para se inteirarem do desenvolvimento das obras de construção e ampliação da habitação do casal.

Ao que apurámos, Clara Carregado estava de férias nesse dia, razão pela qual não visitou o casal. Mas terá voltado ao trabalho no dia seguinte. Marília tem outra explicação. “A única razão que encontro para o facto de Clara Carregado não ir a nossa casa é porque sabe o que disse em tribunal e só pode estar com medo de ir lá sozinha. Mas pode lá ir porque, apesar do que ela nos fez não se fazer a nenhum ser humano, nós queremos resolver esta situação o mais breve possível. Queremos os nossos filhos perto de nós o quanto antes”, afirma. O casal de Foros de Salvaterra foi convocado para comparecer nas instalações da Segurança Social para uma reunião esta quinta-feira, dia 25.

Também após a entrevista de Marília na televisão, a relação com o Centro de Acolhimento Temporário da Praia do Ribatejo, onde estão os três filhos do casal, modificou-se. Os pais tinham apenas cinco minutos para conversar com os três filhos por telefone e só tinham direito a uma visita semanal. “Desde que fui à televisão que as responsáveis do Centro de Acolhimento me deixam falar diariamente ao telefone cinco minutos com cada um dos meus filhos. Além disso já permitem que os visitemos também aos sábados e passam recibos por todo o dinheiro que entrego aos meus filhos, o que antes não acontecia”, explica a mãe.

O MIRANTE contactou os serviços da Segurança Social de Salvaterra de Magos para obter mais esclarecimentos, mas os responsáveis dizem que precisam de pelo menos uma semana para dar uma resposta.

 

Espectáculo com Romana para angariar fundos

No domingo, 14 de Setembro, Marília Batista e o marido receberam a visita da cantora Romana, residente em Samora Correia, que quis conhecer a nova habitação do casal. Sensibilizada pelas notícias que têm sido publicadas, a artista disponibilizou-se a realizar um concerto a título gracioso. As receitas do espectáculo vão reverter para a conclusão das obras da nova casa. O concerto está agendado para 19 de Outubro, em Salvaterra de Magos.

“O telhado já está colocado, falta fazer uma das casas-de-banho. Depois é só colocar a electricidade e as canalizações que é o que nos está a dar mais trabalho. Mas acredito que as crianças voltem a tempo de passar o Natal em casa com os pais. Será uma grande alegria para todos”, afirma Jorge Monteiro, presidente do Shorinji Kempo de Foros de Salvaterra de Magos que está a ajudar a família com as obras.

 

Deputado quer “Banco do Tempo”

O deputado à Assembleia da República e vereador da Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, Nuno Antão (PS), vai entregar na reunião pública de câmara que se realiza a 1 de Outubro uma proposta à presidente do município, Ana Cristina Ribeiro, para a criação de um Banco do Tempo e de uma linha grátis de apoio aos mais necessitados. A proposta surge na sequência das notícias que têm sido veiculadas sobre a actuação da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Salvaterra de Magos.

Nuno Antão realça que não compete aos políticos analisar o trabalho da comissão mas enquanto cidadão confessa ter ficado insatisfeito com as notícias que têm vindo a público. “Acompanho os sentimentos e revolta da população que não entende que se retirem crianças aos pais apenas com a desculpa de que estes são pobres”.

Para o deputado à Assembleia da República, o caso deve ser visto como um exemplo do que há a melhorar no futuro. O eleito considera que se existem dificuldades há que ajudar as famílias “para que se evite que mais crianças sejam retiradas aos pais por motivos de pobreza”.

 

in O Mirante

tags:
publicado por portuga-coruche às 11:16
link do post | comentar | favorito

Água tratada na ETAR de Coruche vai regar campos do Sorraia

Primeiro sistema de tratamento de esgotos da vila entra em funcionamento


fotoCom a entrada em funcionamento da Estação de Tratamento de Águas Residuais de Coruche, que vem minimizar a fraca cobertura de tratamento de efluentes domésticos no concelho, vai ser possível aproveitar o rio Sorraia para actividades lúdicas.

 

Os efluentes domésticos tratados na primeira Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de Coruche vão ser utilizados para rega, informou o presidente do município. Dionísio Mendes (PS) disse, na inauguração do sistema de tratamento dos esgotos de Coruche, que vai servir numa primeira fase oito mil habitantes, que a ideia foi lançada pela Associação de Regantes e Beneficiários do Vale do Sorraia e a câmara decidiu colaborar ligando a ETAR ao canal de rega paralelo ao rio Sorraia e que se estende até ao concelho vizinho de Benavente.

Segundo Dionísio Mendes, a água tratada vai ser encaminhada para o canal, abastecido pela barragem de Montargil, durante a época de regas. No Inverno a água será lançada para o rio. O autarca explica que o canal de rega não tem falta de água, mas esta é uma forma de dar utilidade aos efluentes domésticos tratados. Situação que foi explicada às duas dezenas de alunos da Escola Profissional de Coruche que participaram na cerimónia de ligação simbólica do emissário que leva os efluentes desde o centro da vila até à ETAR, situada perto da estação de caminho de ferro.

O presidente do município retirou de uma tampa do colector uma rolha gigante como forma de assinalar o início do tratamento de esgotos que até agora eram despejados para o rio. O sistema, num investimento de 6,5 milhões de euros (incluindo além da ETAR também o emissário e estação elevatória), é a primeira grande obra da empresa intermunicipal Águas do Ribatejo (AR). Uma obra que ainda não foi paga na totalidade devido às vicissitudes que causaram atrasos na constituição da empresa e ao facto de só recentemente esta ter conseguido que a União Europeia aprovasse a disponibilidade de fundos para os equipamentos projectados pela AR.

Dionísio Mendes considerou o momento como “histórico” porque permite que o concelho dê um salto qualitativo. “Pela primeira vez os esgotos de Coruche são tratados de forma moderna”. O que vai evitar a poluição do rio e desta forma criar condições para a promoção de actividades náuticas, como a canoagem. O autarca realçou também que este é um passo para criar qualidade de vida que permitirá atrair mais gente para o concelho. Situação que em seu entender será potenciada pelo novo aeroporto previsto para o Campo de Tiro de Alcochete.

Coruche é um dos piores concelhos em termos de cobertura de saneamento básico, que se encontrava em cerca de nove por cento. Dionísio Mendes acredita que até 2012 vai ser possível chegar a uma taxa de cobertura de 90 por cento. Estão projectadas mais ETAR para o concelho. A que está mais adiantada é a da Zona Industrial de Monte da Barca, em fase de concurso público. Neste momento estão a ser avaliadas as propostas.

 

Açude insuflável no Sorraia

O presidente da Câmara de Coruche anunciou também que o projecto para a construção de um açude insuflável no Sorraia, idêntico ao que existe no Tejo, em Abrantes, já está concluído. Agora vai ser lançado o concurso de modo a que as obras, com um prazo de execução de um ano, possam começar já no próximo ano. Com o açude vai ser construída uma ponte que vai permitir a ligação à margem esquerda e desta forma potenciar as actividades desportivas nesta zona.

 

in O Mirante

tags:
publicado por portuga-coruche às 10:50
link do post | comentar | favorito

Acordeonista João Barradas defende título mundial na Bósnia

Aos 16 anos é um dos melhores intérpretes de acordeão do mundo


fotoJoão Barradas, o mais jovem campeão do mundo na história do acordeão vai tentar conquistar um segundo título mundial, mas agora na categoria de concerto com peças mais eruditas. O músico de Porto Alto, Samora Correia, concelho de Benavente, participa no Troféu Mundial que terá lugar em Sarayevo na Bósnia, de 30 de Setembro a 5 de Outubro. No sábado, 20 de Setembro, João Barradas actuou num festival de acordeão no auditório da Associação Recreativa do Porto Alto (AREPA), colectividade que representa, e revelou estar em grande forma, recebendo incentivos e aplausos de dezenas de pessoas. O jovem de 16 anos teve a nota máxima no Conservatório do Instituto Vitorino Matono, em Lisboa, onde é aluno do campeão mundial Aníbal Freire que o vai acompanhar na deslocação à Bósnia.

É a primeira vez que João Barradas disputa este troféu na categoria mais exigente e onde vai ter que competir com acordeonistas mais velhos e com um longo percurso de aprendizagem. Mesmo assim a expectativa é elevada e João Barradas espera alcançar uma boa pontuação. Se possível, quer repetir a proeza alcançada em Samara, na Rússia, junto ao Cazaquistão, em Novembro passado, onde alcançou o título mundial na categoria de varieté júnior.

João Barradas conquistou quase a pontuação máxima e relegou o francês Eric Allard Jacquin para segundo lugar. Marlon Valente, acordeonista de Lisboa, foi o terceiro classificado. Na categoria de seniores, Tiago Pirralho, acordeonista de Coruche, obteve um brilhante quinto lugar na categoria de sénior varieté. Uma participação brilhante dos três jovens portugueses sob a orientação do professor Aníbal Freire. Desta vez, o acordeonista de Porto Alto é o único da região a representar Portugal.

João Barradas tem o melhor currículo entre os acordeonistas nacionais. Campeão do mundo e da Europa, soma quatro títulos de campeão ibérico e sete de campeão nacional.

 

in O Mirante

publicado por portuga-coruche às 10:41
link do post | comentar | favorito

PSP pede que as pessoas se queixem quando não são atendidas pelo 112

O comando distrital de Santarém da PSP solicita às pessoas que não obtenham resposta quando ligam o número nacional de emergência que exponham por escrito o sucedido, para se averiguar se existiram falhas técnicas ou humanas. A posição da polícia, responsável pela central de socorro na área do distrito de Santarém, surge depois de terem aparecido mais queixas de cidadãos que não foram atendidos quando ligaram para o 112.

Depois de um caso ocorrido no dia 13 de Setembro em Coruche, surgiu mais uma queixa de uma situação ocorrida em Benfica do Ribatejo, concelho de Almeirim. O tesoureiro da Junta de Freguesia de Almeirim, Manuel Consciência, que sofre de diabetes, estava a trabalhar numa propriedade agrícola que possui em Benfica do Ribatejo quando se sentiu mal. Foram feitas chamada para o 112 mas ninguém atendeu.

Manuel Consciência acabou por ser transportado para o Serviço de Atendimento Permanente do Centro de Saúde de Benavente, onde foi assistido. Regressou pouco tempo depois a casa. Mas a situação podia ter tido consequências graves, até porque a capacidade de se salvar uma pessoa está em grande parte na rapidez do socorro.

A PSP continua sem saber o que se passa. Até porque, conforme noticiámos na edição da semana passada, a central de 112 que serve o distrito de Santarém não tem sistema automático de registo de chamadas nem equipamento de gravação dos telefonemas que permita saber como foram atendidas as pessoas e qual o encaminhamento dado às situações.

O aparelho que fazia estas gravações avariou há algum tempo, mas nunca mais foi substituído. O Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) do Instituto Nacional de Emergência Médica, em Lisboa, e que serve o distrito de Santarém, tem um equipamento de gravação que permite avaliar a qualidade do serviço prestado.

 

in O Mirante

publicado por portuga-coruche às 10:34
link do post | comentar | favorito

.Citações Diárias

.Visitantes On-line

.Total de Visitas


Consultar Estatisticas

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Corte no abastecimento de...

. Novo estudo sobre toxidad...

. De olhos bem abertos

. GNR apanha ladrões de bom...

. 85% da divida foi gerada ...

. Continuamos à Espera

. Orientação Pedestre - Cam...

. Dakar Desert Challenge ap...

. Coruche acolhe caravana d...

. DIA EUROPEU DO ENOTURISMO...

.últ. comentários

Sr José Sá, já confirmou a sua tese? Obrigado
Eu uso os produtos da HerbaLife há anos e são fant...
Tudo é muito aberta e muito clara explicação de qu...
Ė e nāo e pouco....
Subscrevo, já cá temos miséria que nos baste, e ge...
Por ser nutricionista e' que fala assim...
http://www.publico.pt/economia/noticia/herbalife-i...
essa empresa foi vendida a eden , que pelo visto a...
Estou para comprar um carro usado num stand de Sal...
VAI SE FERRAR. .INGERI OS COMPRIMIDOS DE MULTIVITA...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Setembro 2015

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.tags

. abel matos santos

. acidente

. água

. águas do ribatejo

. almeirim

. apanhados

. aquecimento global

. assalto

. autarquia

. benavente

. biscainho

. blogosfera

. bombeiros

. burla

. câmara municipal de coruche

. carina

. cdu

. china

. ciência

. cigana

. ciganos

. clima

. climategate

. cobre

. comboio

. copenhaga

. cortiça

. coruche

. couço

. cp

. crianças

. crime

. criminalidade

. crise

. dai

. david megre

. desaparecida

. desaparecidos

. desemprego

. desporto

. dionísio mendes

. dívida

. douro

. droga

. economia

. edp

. educação

. emigração

. emprego

. energia

. ensino

. escola

. espanha

. etnia

. fajarda

. faleceu

. fascismo

. festas

. finanças

. fmi

. fome

. gnr

. humor

. imperialismo

. impostos

. insólito

. internet

. ipcc

. justiça

. ladrões

. lamarosa

. meteorologia

. mic

. miccoruche

. morte

. música

. phil jones

. pobreza

. política

. pontes

. procura-se

. racismo

. roubo

. santarém

. saúde

. segurança

. sociedade

. sub

. tempo

. ticmais

. toiros

. tourada

. touros

. trabalho

. tráfico

. tribunais

. video

. videos

. violência

. xenofobia

. todas as tags

.links

.Enviem Notícias e Comentários

CONTACTO

greenbit@sapo.pt

.pesquisar

 

.Outro Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds